sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Ainda o jogo de ontem

Quer se queira quer não o jogo de ontem foi provavelmente o melhor da época até agora. O adversário era de facto muito fraco, mas com outro acerto na finalização os dinamarqueses tinham levado para casa uma sacada de golos.
Destaco as exibições de:

André Santos - Fez um enorme jogo e provou estar em melhor forma do que Schaars que tem estado furos abaixo do que mostrou na pré-época.

Capel - Um senhor jogador. Já não via um extremo assim no Sporting há alguns anos. Daqueles que resolve e um terror para as defesas adversárias. E ainda não está no seu melhor..... Deixa os adeptos a pensar o que será do Sporting com Capel e Jeffren na mesma equipa....

Polga - Um mal amado pelos adeptos sempre teve a minha admiração. Porque sempre considerei um bom jogador e porque é um profissional exemplar que em tantos anos de Sporting nunca arranjou qualquer problema. Tem sido de longe dos melhores da equipa desde o inicio da época.

15 comentários:

Mike Portugal disse...

Tenho que concordar quase na totalidade com este post.

Apenas um detalhe: Capel é muito bom a jogar na linha, mas ainda tem muito que aprender quando vem da linha para o centro. Domingos parece-me a pessoa certa para o ensinar.

Fito Rinaudo disse...

Ontem foi mesmo um massacre, um jogo de sentido único, ainda com direito a um golo sofrido de forma injusta.

Esses 3 jogadores foram também para mim os melhores, André Santos com confiança tem condições para ser titular, Capel é um desequilibrador puro e Polga está a demonstrar novamente porque foi campeão do Mundo!

Destaco ainda a forma irresponsavel como João Pereira corre, muitas vezes sem aproveitamento, a desorientação de yannick assobiado e também o esforço inconsequente de Postiga!

Volto a afirmar o que já afirmei aqui, o Sporting tem uma excelente equipa, para mim não precisa de mais reforços, precisa de tempo e empenho, pois quando a máquina tiver a carborar estaremos muito fortes!

SL

Daniel disse...

TI, reflecte a minha opinião.

Só espero que engrenem de vez com os golos pois o resto (principalmente a vontade!!) já está a milhas dos últimos anos.

Aquele Polga de ontem, que gesticula e grita com os companheiros (e até com a equipa médica quando o JP precisou de assistência), é o Polga que chegou ao SCP e que há muito que não aparecia.

SL

Tiago Silva disse...

Só uma pequena retificação: o Polga já recusou jogar pelo Sporting, alegando falta de condições psicológicas, no jogo a seguir à malfadada final da taça uefa.

Pedro O. disse...

Por favor, falemos a verdade:

- Se não fosse aquela parte do corpo que medeia entre a anca e o joelho a que se dá o nome de coxa, da perna esquerda do nosso lateral esquerdo, estariamos todos a esta hora debaixo de uma depressão sem precedentes.

Podemos falar de exibições convincentes ou menos convicentes, agora uma coisa é certa, levar um golo nos descontos seria mais que previsível, faz parte da nossa matriz, do nosso ADN, concluindo-se assim que o mais importante da noite de ontem foi, e sem qualquer pingo de ironia - A COXA ESQUERDA DO EVALDO!

Raaamoooos disse...

Pedro O.

Essa parece a historia do bacano que apanha a bezana e diz" epá o que me lixou foi aquela ultima imperial"...(quando já virou 10 vodkas...mas aquela imperial é que foi)....

O importante ontem foi a coxa do evaldo...não foram os 31 remates, as 11 defesas do GR adversário, os N cantos, a atitude da equipa, o massacre...foi a coxa do evaldo...

É só bota-abaixismo no sporting...

vitor disse...

Tinha sido um bom ensaio de pré-época. Até porque o ritmo não dá ainda para mais. Tanta gente parada no meio-campo obrigou de novo o 4x3x3.

O fundamental era o apuramento!

Imperdoável foi sofrer aquele golo, quando os dinamarqueses colocavam sempre a bola no 2º poste nas bolas paradas.

Não fosse a carambola no Evaldo...

Djaló foi dos mais esclarecidos até sair, a forma fisica ajuda.

Hoje à noite há corrida no Campo Pequeno para os aficionados.

SL

Lionheart disse...

Deu para ver ontem a redecoração que já se está a fazer no estádio. O Sporting chegou a acordo com o Tomás Taveira e este está a coordenar os trabalhos de remodelação e redecoração. O que está pintado a amarelo vai ser pintado de verde, incluindo os mastros. Na bancada nascente A o trabalho já foi concluído e agora avança para as outras. Só acho que se o Sporting decidir substituir as cadeiras, depois não fica bem ficar tudo verde, mas pode então mandar pintar as guardas e as escadas de branco.

Pedro O. disse...

Raamooos,
não é bota abaixismo nenhum (nem sequer fiz qualquer crítica ao jogo), é apenas assumir que a vitória factual (e não a moral), aquela que nos colocou dentro da fase de grupos como seria mais que obrigatório, deve-se a um facto incontornavel e não tem a ver com as dezenas de remates, com auto-carros à frente da baliza, falta de competência e classe a definir, tem apenas a ver com a coxa do Evaldo.

Isto não é uma crítica, é apenas um facto do qual não me vou esquecer da noite de ontem.

Sobre o jogo, massacres, pseudo-massacres, azares, destinos e outras factores do âmbito menos terreno, nem um comentário.

Daniel disse...

Vitor, esteve bem tacticamente mas o único adjectivo positivo possível é... esforçado.

SL

Fito Rinaudo disse...

Com coxa ou sem coxa o que interessa é marcar, nem que seja com a terceira perna!

Lionheart,

Quando não é do cú é das calças não é?
Antes o problema era porque não havia verde, agora é porque os verdes não ficam bem?

Há que ser razoável, não é possivel realizar as vontades de todos os sócios/adeptos! Eu também preferia ter um sofá em vez de uma cadeira no estádio!

SL

resistente disse...

Campanha Sportinguista "JÁ ERA" a favor da ISENÇÃO E VERDADE DESPORTIVA NO FUTEBOL PORTUGUÊS

em http://resistencia06.blogspot.com/2011/08/campanha-sportinguista-ja-era-favor-da.html

Divulguem nos vossos contactos!

1906

Luta & Resiste!

PP disse...

Em relação ao Capel, o que lhe falta para se tornar no extremo que muitos anteviam aos 20/21 anos é a capacidade de definição. Muitas vezes decidi tarde ou decidi mal, e a razão para tal erro é a falta de visão. Ele mete a cabeça no chão em demasia, deixando de ver o momento certo para meter a bola. Essa parece-me de momento ser a principal diferença para o Jeffren.

No entanto, a força que o SCP promete ter nos extremos é de facto impressionante.

José Heleno disse...

Uma nota para o relvado, caminha a passos largos para um novo batatal

João Barreiros disse...

Caros,

Mais uma noite para esquecer.

A primeira parte foi um suplício. Ver jogadores como João Pereira, Carriço, Evaldo, Postiga e Djaló é entrar em campo com jogadores a menos.

João Pereira - Apesar de titular na selecção para mim não tem qualidade suficiente para o onze do Sporting, para o plantel sim, para titular, a meu ver não. Tenho esperança no Cédric e no Arias.

Carriço - A central é mau de mais, não sei como conseguiram ver tanta qualidade num central tão banal. Para mim, pode ter espaço no plantel a 6.

Evaldo, situação semelhante ao João Pereira. Mesmo em relação ao Grimi não vejo grandes diferenças. Turan, o pouco que vi não gostei, mas dou o benefício da dúvida.

Postiga - Era excelente conseguir vender esta nódoa de avançado, sem chama e sem capacidade de finalização.

Djaló - Para mim só poderá ter lugar no Sporting como ponta de lança. O melhor período do Djaló foi quando dividiu a frente de ataque com o Derlei. Recepção e construção de jogo não devem ser pedidas ao Djaló.

Para finalizar, acho escandaloso e descabido o João Pereira ser capitão do Sporting. Para mim, Polga, Rui Patrício e André Santos tem mais condições para exercer essa função.

SL

JB