segunda-feira, 7 de maio de 2012

A nossa Liga dos Campeões

Muito se tem falado da nossa não ida à Champions, que certamente muita falta fará nos cofres do SCP mas não é menos verdade que GL disse que teria que baixar o orçamento em 6 a 8 milhões devido a essa não entrada. Como disse antes neste blog, se o presidente quando deu a entrevista estivesse a falar de massa salarial + o que gastou nesta época em reforços não me preocupa minimamente até porque acho que o SCP não precisa de gastar metade do que gastou esta época, se fala em reduzir 6 a 8 milhões a massa salarial estamos feitos! Mas nós com um pouco de imaginação, rigor e competência podemos fazer esses 6 a 8 milhões, com os jogadores que não contamos ora vejamos, Valdes, Bojinov, Pongolle, Torsi e Djaló (este 2 últimos não se sabe se ja recebemos ou não alguma coisa por eles) não vão render nada ao SCP no final desta época? Vendam os emprestados que não contamos, estes claramente são esses casos, mas ainda posso incluir André Santos & Adrien, o ultimo esteve para sair de Coimbra em Janeiro onde recebemos propostas por ele, mas que por mim deveria voltar ao nosso principal plantel. E apenas falo de jogadores que não alteram nada na actual estrutura do SCP. Nomes como João Pereira e Rui Patrício (este ultimo apenas por 20 milhões) estou já mentalizado para ficar sem eles. Por isso não se ache que é uma catástrofe ou o fim do mundo não ir a champions, é mau, seria muito melhor lá estar que facilitava e muito a vida a quem dirige mas certamente eles vão saber resolver o problema, porque voltar à história do desinvestimento é voltar a ficar mais longe dos adversários. Saudações Leoninas

24 comentários:

Mike Portugal disse...

Olha que não tenho assim tanta certeza que o Rui saia por €20M. A mim parece-me que por €12M já seria bem vendido. Mas se fizer um excelente europeu, talvez consigamos vender por €15M.

Quanto ao J.Pereira espero que também faça um bom europeu e que o vendamos por um bom preço também. Depois temos os emprestados que falaste em que poderíamos tentar ganhar algum dinheiro com eles.

Lionheart disse...

Este ano havia o inconveniente de ter de começar a época cedo de mais por causa da pré-eliminatória da Liga dos Campeões, ainda para mais num ano em que há o Euro e alguns dos nossos actuais e futuros jogadores vão lá estar, e assim depois teriam de cortar nas férias ou começar a época mais tarde. Para quem teria de disputar a pré-eliminatória este dilema era mau, uma vez que em dois jogos logo a abrir se joga muito dinheiro. Mal ou bem não temos de nos preocupar com isso. Já o braga é que se vai estatelar ao comprido.

Na próxima época temos de estar muito melhores no campeonato e para isso duvido que tivéssemos capacidade para fazer uma boa Champions. A Champions pode ser um problema para o campeonato, se os recursos não forem bem geridos e se os resultados na Europa forem desmoralizadores. Antes de pensar em fazer muito dinheiro na Liga dos Campeões temos primeiro de consolidar a equipa e ganhar campeonatos com mais regularidade. Na próxima época a prioridade é lutar pelo título até ao fim, no mínimo. O que já não acontece há seis anos.

leao revisor disse...

Mike Portugal

De longe o Guarda-Redes em melhor forma na Europa, novo e barato (a nivel salarial) em ano de Europeu e com o Mendes como empresário?

Só se os dirigentes do SCP estiverem a dormir, e esqueçam o Eduardo!

JMM disse...

1º Rui Patricio pode sair, entre 15 e 20 milhões e estamos conversados. Mas Eduardo não, para isso ficamos apenas com Boeck.

2º Lionheart ir à Champions é sempre um incentivo financeiro importante. Mesmo perdendo os jogos todos dos grupos facturávamos 10 milhões de euros coisa que nem ganhando a liga Europa conseguíamos. É uma realidade.

DE resto concordo contigo que o podemos usar como vantagem na medida em que começamos a época com a Supertaça apenas. Além disso se o Braga perder logo na primeira pré eliminatoria nem ganha muito dinheiro...

Alguns ajustes no plantel e atacar o campeonato, jogo a jogo. Rodar nas Taças e atacar a maior das competições em Portugal. De ajustes são 3 ou 4 sem contar com eventuais saídas.

leao revisor disse...

JMM

Tens razão mas garantidos estavam apenas 140 mil euros da pré-eliminatória...

Fazes certamente uns 2 milhões nas digressões de verão e com pré-eliminatória nao havia nada disso.

Não estou aqui a dizer que é melhor ter ficado em 4º atenção, para que não haja más interpretações, o que digo é que existem formas de "compensar" ou minimizar os "estragos" de não ir à champions. Que em tudo existem coisas boas e coisas más...

JMM disse...

Então estamos de acordo.

Claro que há formas de compensar. Podes sempre fazer pouco mais de vinte milhões com o Pereira e o Patricio.

Depois podemos promover alguns regressos (Cedric) para tapar essas mesmas vendas (Pereira) e assim manter o dinheiro.

Hugo Vieira, Adrien, Wilson, Salomão e Nuno Reis são opções para o treinador que ainda receberá Labyad. Poderá investir, acredito eu, em dois reforços titulares de caras.

Temos de viver com o que temos, não temos UCL.

luis silva disse...

Fazer um exercicio de fé que mantendo este plantel com poucas mexidas, estaremos em condições de lutar pelo titulo até Maio e não até ao natal como tem sido ultimamente é ser bastante optimista, o que é perfeitamente aceitável, cada um é como é.
Tendo em conta as caracteristicas dos jogadores que temos, sou mais pessimista e não acredito na luta pelo titulo até ao fim. Acredito sim novamente num bom desempenho nas taças, só isso.
Mesmo assim sem champions não me parece ser possivel passar sem fazer várias vendas dos ditos titulares. Até porque secalhar sem champions serão os proprios jogadores a pedir para sair, logo se vê.
SL

Lionheart disse...

"Até porque secalhar sem champions serão os proprios jogadores a pedir para sair..."

Eh pá, então se calhar o melhor é "pedir" eleições antecipadas, porque nos outros clubes ninguém quer sair, até porque estão melhor que nós.

http://desporto.sapo.pt/futebol/primeira_liga/artigo/2012/05/07/_alguns_dos_meus_colegas_querem_.html

Carlsberg disse...

Desculpa revisor, mas as tuas contas apesar de estarem correctas, o raciocino está errado.

Esse pensamento e as contas que fazes para vender os jogadores emprestados, e que nem os queremos para a equipa B, está correcto, mas esse dinheiro é e deveria ser unica e exclusivamente, para o reforço da equipa e massa salarial, enquanto o dinheiro da champions, deveria servir apenas para amortização da divida ou parte dele.

Pelo menos esta é a minha opinião, sobre a forma de gerir o clube.

O plantel, deve ser formado se possivel, com o dinheiro das vendas de jogadores, que ja não interessam, ou propostas irrecusáveis por jogadores que interessam e muito manter(R.Patricio), e o restante, como digressões e prémios como a LC dá serviriam para amortização da divida.

PS: Neste ano e sabendo que manteremos 85% do plantel, acredito que entraríamos na fase de grupos e pelo menos, 3 jogos ganharíamos, por isso, no mínimo 20M estariam assegurados.

Agora, não é o fim do mundo, se não há dinheiro, é fazer como disseste no post, vendem-se os jogadores emprestados que não queremos(se bem que não me importaria de ficar com torsi, ao invés de Rodriguez) e investimos no plantel, dessa forma para o ano que vem, pode ser que já consigamos fazer como eu digo, para isso sendo campeão ou ficando em 2º lugar!!


SL

Lionheart disse...

Entretanto, já se sabe o horário dos jogos da última jornada. O Sporting encerra o campeonato no Sábado às 21.15h (enquanto as outras partidas todas se jogam às 18.30h) para que o nosso jogo seja transmitido na bosta da TVI. É preciso acabar com o poder canceroso das televisões, cujos interesses se sobrepõem à comodidade dos espectadores que PAGAM para assistir aos jogos, porque estádios vazios não servem aos clubes ou à Liga.

Carlsberg disse...

Mais uma coisa, apesar de não ser um total apoiante da direcção, e saber que mesmo sendo o presidente da "continuidade" Godinho Lopes, tem feito um bom trabalho á frente do clube, e a aposta em Sá Pinto, apesar de ter sido algo para acalmar os sócios e simpatizantes, parece que foi na mouche, temos ali alguém que percebe de táctica e que sabe motivar os jogadores, a partir de só peço uma justificação a esta direcção:

Como vamos lidar com os árbitros, que só esta época retiram-nos 13 pontos??? Ou 16 se contarmos com o jogo de sábado passado!!!
Esta situação n pode continuar!!


SL

JMM disse...

Quanto aos arbitros, o Sporting tem de ser melhor para ser campeão. Se formos campeões vamos sempre ser prejudicados na mesma. Sporting campeão é possível mas será quase sempre contra 14.

De resto, Sporting tem um bom plantel mas todos os jogadores são negociáveis. Veremos as propostas.

Carlsberg disse...

Isso não é assim, contra a olhanense e o maritimo, académica, e Setubal, fomos melhores, mas fomos prejudicados, mas propositadamente prejudicados!!!

E nestes jogos que mencionei, foram 10 pontos á vida, graças aos árbitros!!

No sabado então foi outra vergonhosa actuação, sempre contra o nosso lado, por isso, podes ser melhor sempre, que os árbitros depressa arranjam maneira, de perderes ou empatar o jogo e consequentemente perder pontos, enquanto aos outros arranjam maneiras de quando estão empatados ou a perder, de acabarem por ganhar os jogos!!

Por isso, essa história de sermos melhores n cola.....

SL

vitor disse...

Quando falamos de números estamos obrigados a ser mais rigorosos! Menos ambíguos do que quando discutimos opções desportivas!

Ainda há pouco tempo tivemos um cavalheiro na presidência do clube que dizia frequentemente que gerir o Sporting era uma brincadeira! Foi um ar que lhe deu assim que se viu relegado da Champions!

Era só o nosso principal objectivo esta época, de qualquer clube grande nas ligas nacionais. Grandes jogadores idem, com o que isso implica! O próprio titulo só surge à frente porque tem o acesso implícito!

Mais, no Sporting actual o acesso marca a linha para a sustentabilidade! Cerca de 1/3 do nosso orçamento ou o custo anual da tão falada divida! A primeira preocupação para qualquer gestor sério que chega ao Sporting! E não há milagres! Com implicações no clube e na SAD! Ou entra dinheiro fresco ou baixamos o orçamento, pela impossibilidade de canalizar todas as receitas não extraordinárias para a exploração! Claro que também falamos de ordenados! É o preço fora da Champions em qualquer clube grande!

Uma boa Champions, como o Benfica esta época, com bilhética e direitos televisivos, pagava o orçamento!

Mas uma boa liderança tem por obrigação contornar o problema! Desde logo não ter contado com o ovo no cu da galinha, como foi feito!

Tão ou mais importante era consolidar a estrutura do futebol e isso foi conseguido! A ideia é mesmo manter qualquer jogador fundamental, a sair algum só por verbas que permitam ficarmos ainda mais fortes!

O Europeu não vai ser o único torneio de Verão com jogadores nossos! Também há jogos Olímpicos! A par com as taças da UEFA, fundamentais para ligas periféricas e com pouca visibilidade como a portuguesa! Não podemos falar só do handicap para o arranque da época!

Não tenho qualquer dúvida que apareceremos mais fortes na próxima época, mas não é a escamotear o que foi um rotundo fracasso - mesmo com terceiros implicados - que tal vai ser possível! Muito pelo contrário, também se aprende muito na adversidade!

SL

Lionheart disse...

Vítor, é preciso ter "unhas" para andar na Liga dos Campeões. A última vez que lá andámos levámos forte e feio do Barcelona e do Bayern e para isso mais vale estar quieto. Temos primeiro de ter uma equipa estruturada para aguentar um calendário congestionado devido às várias competições em que o Sporting está e para se bater com grandes equipas na Europa, mesmo estando sujeitos a perder com os colossos.

O que se passou no tempo do "pipinho" não é modelo para ninguém. O acesso há Champions pode ser um requisito imperativo para ganhar o campeonato, ou não. Em 2000 e em 2002 não foi, tendo o Sporting sido eliminado das competições europeias bastante cedo. Sem isso provavelmente não teria sido campeão. Não é possível reproduzir o que o porco faz, erro em que o carnide caiu esta época e assim perdeu tudo. Quantos clubes é que adiam ou antecipam os jogos quando o Sporting pede? Zero. Quantos fazem o mesmo ao porco? Quase todos. Quando temos ganho campeonatos, alguma vez foi com várias jornadas de antecedência, podendo depois apostar tudo nas competições europeias, porque o campeonato está ganho? Alguma vez tivemos o sistema a abrir uma auto-estrada para o título? As É uma "admiração" do c****** o que fizeram o Mourinho e o Villas Boas no Dragum. Mas a moda pegou noutros lados também. O braga esta época teve 13 vitórias consecutivas, mais que andrades e galinhas. Bate "certo". Deve ter havido pouco resultado combinado, deve...

vitor disse...

Lionheart,

Não falo em competir a sério na Champions para já! Os 10 Milhões do acesso à fase de grupos é um nº mágico para nós! São os juros da dívida! Era o que mantinha Soares Franco, c/ 1/3 do orçamento actual!

Em termos competitivos na Europa, a aberração de descer da Champions para a Liga Europa é o mais indicado para nós nesta fase, em que o objectivo vai passar a ser campeão nacional, no mínimo o acesso directo já na próxima época!

Apesar do encaixe esta época, conto que o Benfica vá começar a perder receita!

Não podemos é passar ao lado de que cada época que passa fora da Champions para nós é muito mais que um drama! Com a recapitalização da SAD vamos poder respirar fundo outra vez, pelo menos financeiramente, mas na actualidade dói muito!

Mas também já era completamente improvável o actual plantel da forma que GL encontrou o clube! Foi uma luta todos os meses, para além do Know-how do Freitas nas contratações!

Devia ser mais que suficiente para não esvaziar a nossa confiança!

E passarmos a valorizar mais as nossas lideranças quando valem realmente a pena! Ainda por cima a lutarem contra tudo e todos, como vamos vendo!

SL

leao revisor disse...

Vitor

Eu até concordo com a sua analise. Agora se considera um rotundo "fracasso" esta época tem que apontar o dedo a quem possibilitou este "fracasso" ou o "fracasso" foi obra do azar e ninguém tem culpa?

O lema de GL esta época foi temos que investir para não nos afastarmos dos da frente, se passado um ano existe uma mudança na estratégia então não contem mais comigo!

Arranjem soluções que é para isso que foram eleitos, os sócios têm aprovado tudo o que querem por isso mãos à obra que ninguem lhes pede mais 35 milhões em reforços e ninguem lhes pede que não vendam ninguem. Agora que OBRIGATÓRIAMENTE temos que ficar mais fortes que este ano para lutarmos verdadeiramente pelo titulo e nem existir a possibilidade de para o ano nao irmos à champions... isso nem se discute ou então menos um que podem contar

Lionheart disse...

Pois, mas quando o Sporting não era uma ameaça na luta pelo título, era-lhe permitido ficar em segundo lugar. Agora nem em terceiro pode ficar, não vá crescer muito. Curioso não é? Curioso não, bastante revelador.

Ao contrário do que o palhaço do lampião da estrela ainda para aí a dizer, não temos nenhuma aliança com o sistema. Este ano fomos bastante prejudicados. Muito mais que nos últimos anos, até porque antes nem era preciso, tal a nossa incapacidade. O que o Sporting não tem de ser, como quer o lampião da estrela, é muleta do beifica, para que este faça o mesmo que o porco e nós continuemos a achar.

Gonçalo Correia disse...

leao revisor,

A massa salarial terá também de baixar. Pelo menos ligeiramente.

Há recursos para o fazer sem grandes perdas desportivas.

Veremos se os adeptos se preocupam com nomes, ou se se lembram de exemplos recentes.

O Carriço quando agarrou o lugar na equipa (e esteve tão bem ou melhor que o Polga e o Tonel), veio de seis meses emprestados á Orangina seguido de 6 meses emprestado ao Campeonato Cipriota.

O Veloso tirou o lugar ao Custódio (à data, capitão da equipa, e um jogador de qualidade) de uma forma brutal, no ano a seguir a andar a jogar na II Divisão (Olivais e Moscavide).

O João Moutinho agarrou a titularidade numa equipa que disputou até ao fim o Campeonato e a Taça Uefa vindo dos juniores.

Isto tudo para dizer que o Sporting também agora tem recursos que, não tendo a "experiência", as "provas dadas" e o "estatuto" dos outros, têm a qualidade para aproveitar!

O André Martins o ano passado nem na Orangina calçou. Neste, foi chamado para os jogos mais difíceis da época (Bilbau, Metallist, etc). Esteve pior que os colegas?

Perde no vencimento que aufere e no estatuto/provas dadas. Se se perceber que é só por aí (e há outros casos com contornos algo semelhantes), as finanças do Sporting agradecem. E os sócios e adeptos não ficam tristes.

leao revisor disse...

Gonçalo Correia

Apenas te dou um exemplo, Betinho é sem qualquer duvida o melhor ponta de lança que saiu da academia/formação nos ultimos 30 anos... isso quer dizer que eu ache que com ele seremos campeões?

Talvez até sim se ele me surpreender e resolver já as coisas mas é mais "seguro" achar que ele só resolverá daqui a uns anos.

Por isso para Ponta de Lança temos que comprar um novo "Ricky"... Para quando o 1º estiver em baixo temos uma opção válida... este ano isso não aconteceu.

Agora deixar sair o Polga e o Rodriguez e fazer regressar um Nuno Reis (que nem gosto particularmente como sabem, e contratar um bom central jovem, o tal central brasileiro que se fala) e com isto poupar 1 milhão de euros tudo bem... Agora vender por necessidade o insua por exemplo e ficar com o evaldo e turan é o maior tiro nos pés que podemos dar.

vitor disse...

Revisor,

A época está muito longe de ser um rotundo fracasso, referi o insucesso unicamente em relação ao objectivo Champions! Conseguimos muitas outras coisas! O regresso dos adeptos, por exemplo, não sendo de todo mensurável, é muito mais valioso! E o projecto futebol, não obstante o fracasso de Domingos, está hoje prácticamente consolidado!

Também já garanti aqui que começaremos a próxima época muito mais fortes, ao fim e ao cabo o que nos preocupa a todos! Vamos dar tempo ao tempo! Até porque a nossa competitividade - como está à vista de todos - não depende só de nós! Apesar de com os mesmos vícios, o futebol é hoje muito diferente desde os tempos de Duque na AFL! Procedeu-se a alterações muito substanciais nas estruturas!

Eu sou dos que não acredito na possibilidade de vir a disputar o titulo com o Benfica nos tempos mais próximos! A par com a nossa ascensão alguma coisa terá que acontecer no outro lado da rua! De preferência o caos! E já estiveram mais longe! Se o Sporting é um clube difícil o Benfica rapidamente fica ingovernável!

Nem sei se a saída de Jesus, como eu estou convencido que já aconteceu, será o melhor! Podia sempre ficar e sair ao fim de um par de jornadas na próxima época! Como o Vieira até pode não voltar a ser eleito à conta dos direitos desportivos!

Só não garanto que vamos ser campeões nacionais no actual mandato, porque não estou certo que vá até ao fim! Mas vamos ser campeões com GL!

SL

Gonçalo Correia disse...

Revisor,

Depende, logicamente, de caso para caso.

Mas quando eu me refiro a jogadores sem o mesmo estatuto e provas dadas de algumas das principais peças do plantel deste ano, nem me referia maioritariamente aos juniores.

A diferença, por exemplo, entre o João Pereira (que não é um mau jogador) e um Bruno Pereirinha ou um Cédric Soares não é, tem razão, apenas os vencimentos e o nome. É a qualidade (porque os ultimos sao melhores).

Acho que, necessidade de comprar, há na posição de avançado-centro (1 jogador) e quiçá na posição de defesa-centro (caso o DC não seja aposta a central). Vendendo-se o Rui, o JP e um dos médios (o Rinaudo regressará, o AM provou estar preparado, o Adrien aí vem, e o Labyad também) - pode ser o Elias, Schaars ou em último caso o Matías -, não só se pagará por completo o avançado que deve vir (e a juntar possivelmente o central), como se terá uma margem bastante positivo entre entradas e saídas. O que é necessário, não indo à Champions e andando a investir mais que no Passado, num contexto de dificuldades.

Tudo o resto dependerá de saídas e de oportunidades de negócios sem grandes custos (por exemplo, mais um avançado além dos ditos 2 daria jeito, e aí se enquadrará possivelmente o Hugo Vieira).

Concordo com a posição de lateral-esquerdo. Mas lá está, depende.

De "fora", vejo um Cédric, um Nuno Reis e um Adrien capazes de dar garantias de qualidade no curto prazo. Todos os outros emprestados e ex-juniores estão (pelo menos ainda...) longe.

De dentro, o Pereirinha, o Carriço, o André Martins e o André Carrillo (vai explodir) também poderiam facilmente ser aposta forte (na lateral direita, no centro da defesa, no meio-campo e nas alas).

Depende dos jogadores, volto a dizer, mas há casos (o do João vs Bruno e Cédric é o mais paradigmático) em que seria absurdo não "poupar" (ou investir no futuro, se preferir...).

SL

JMM disse...

O Gonçalo, como já antes havia dito e discutido comigo, é da opinião que a cantera ou os que vêm de emprestimo, têm categoria no imediato para fazer o lugar.

Eu acho que nenhum "canterano" tem perspectivas para ser titular no imediato. Podem dar profundidade e banco ao plantel mas é só.

Para mim todos os jogadores têm um preço, todos! Mas não estpu interessado em negociar Elias porque tenho o Adrien visto que o Adrien nem sequer faz a posição do Elias.

Gonçalo Correia disse...

JMM,

Não, de todo.

Reafirmo: dos que estão fora, o Adrien Silva, o Cédric e mesmo o Nuno Reis estão, neste momento (e particularmente por esta ordem), a anos-luz dos outros emprestados, e dos actuais juniores. A anos-luz!

Há jogadores da cantera que estão emprestados em cujo valor confio por completo (esses 3), alguns que talvez servissem para 2ªs opções (dependeria das condições financeiras), e outros que nunca chegarão ao Sporting.

Portanto, como vê, isso não cola: não defendo a cantera porque sim, nem os jogadores da cantera, defendo o que de muito bom ela produz (e assim também defendi no Passado).

Vê-me, por exemplo, dizer que o canterano André Santos (que até já é internacional A) tem a qualidade para se impor no actual panorama? Talvez seja então melhor não generalizarmos erradamente.

Mais uma prova, e particularmente exemplificativa disto, é os jogadores que não são principais opções no actual plantel e que entendo terem condições para o serem.

Alguns são da cantera, mas nem todos. E a eles provavelmente juntarei o Rubio dentro de 2/3 anos.

Não é pela cantera, é pela qualidade. E o Carrillo, como os canteranos que referi, tem-na em níveis suficientes para explodir e se impor.

Digo-lhe: com a venda de Elias, e dando de barato que o Neto e o André Santos saiem, haveria Rinaudo, Schaars, André Martins, Adrien, Matías, Labyad.

Destes 6, jogariam 3. O Labyad (aos 19 anos, tem um currículo na Holanda parecido com o do RvW...), o André Martins (provou este ano ser tão bom como os demais médios do Sporting) e o Adrien Silva não seriam, em condições normais, titulares.

E, destes 3 jogadores, um deles ficaria em condições normais pela bancada. Qual deles? Honestamente, não sei. Se lhes quiser juntar o Elias, pode mandar o André Martins de volta para a tribuna e o Labyad não precisa de vir ganhar o que vem, por exemplo (nem os problemas com o PSV são necessários).

A qualidade é fundamental, mas se a escassez de opções é preocupante (p/ ex, com as opções de banco de um meio-campo a serem um Matic e - apenas durante seis meses - um Amorim), o excesso também é.

Para as finanças, para o ambiente no plantel, para a Equipa B, para a Equipa de Juniores... para tudo.

Sem problemas físicos de duração significativa, entre Rinaudo, Elias, Schaars e Matías, um deles seria habitual presença no banco (qual o aceitaria bem e qual tem, para isso, nas actuais circunstâncias, um vencimento comportável?) e um André Martins e um Labyad (esquecendo o Adrien) seriam muito pouco utilizados durante a temporada (não têm qualidade para mais? não o mostraram este ano?).

Parece-me que ás vezes nos esquecemos que os nossos titulares o ano passado eram o Santos e o Maniche (ou o Mendes, ou o Zapater). O André Martins, o Labyad e mesmo o Adrien são inferiores a qual? E ainda havendo 3 presumíveis titulares para essas 3 posições que não eles (Schaars ou Elias, Rinaudo, Matías).

SL