terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Formar um plantel campeão

Numa altura em que as águas parecem estar mais calmas por Alvalade, aproveito para escrever algo que venho pensando a algum tempo.

Quem quer formar um plantel capaz de lutar realmente pelo titulo, não começa a pensar nisso no final da presente época, começa a fazê-lo bastante mais cedo percebendo quais as debilidades e quais as virtudes do plantel.

No SCP temos tido sempre o problema de nunca ter dinheiro para investir no mercado, ou esse dinheiro estar dependente das vendas que se possam realizar o que tem condicionado e muito a nossa manobra no mercado. A juntar a isto temos muitíssimo menos dinheiro disponível para ordenados e prémios de assinatura que os nossos rivais o que tem levado a alguns jogadores terem escolhido SLB e FCP em detrimento do nosso clube.

Este ano existe um factor que esta ou outra qualquer direcção terá que aproveitar para voltar a dar animo aos sportinguistas. Temos o fundo de jogadores que nos dará dinheiro para atacar o mercado e a reestruturação financeira dará mais alguns milhões para o orçamento. A juntar a isto começamos a contratar jogadores em parceria com alguns investidores o que reduz o preço a pagar pelos jogadores.

Isto evidentemente não quer dizer que podemos deitar dinheiro à rua, muito longe disso! Erros como os de Pongolle não se podem repetir, jogadores que custem mais de 6 milhões de euros têm que entrar sempre de caras no nosso 11.

Vamos por partes então, quais as nossas virtudes e as nossas debilidades este ano?

Debilidades:
-Fraco poder de fogo no ataque
-Plantel sem extremos de raiz
-Falta de explosividade nos jogadores consequentemente na equipa
-Débil jogo aéreo geral e em particular nos centrais (tirando o torsi)
-Não ter alguém que resolva de bola parada

Virtudes:
-Grandíssimo Guarda-Redes
-Laterais que defendem e atacam bem
-Experiência na zona central do terreno dá-nos alguma segurança

Ou seja na minha perspectiva necessitamos de começar a pensar seriamente em contratar6/7 jogadores com real categoria. Com o fundo de jogadores o SCP vai ter a preocupação de contratar jogadores com menos de 27 anos, idade limite para entrar num fundo de jogadores.
Se soubermos atacar o mercado no tempo devido podemos contratar 2 jogadores que não seria possível contratar o ano passado. Hugo Almeida e Rodriguez estão em final do contrato e seriam importantes reforços para o plantel, para posições debilitadas e com custos aceitáveis já que não pagaríamos transferencia.
Depois, começa já a ser tempo de dar-mos umas "facadas" no FCP, nesse sentido existem 2 jogadores que me agradam, (principalmente) Vierinha do Paok e Candeias do Portimonense. Salvo erro nenhum deles está contratualmente ligado ao FCP apesar dos tripeiros ainda terem 35% do passe do Vieirinha. 2 jogadores que seriam boas apostas para o presente e sendo jovens poderiam nos render algum dinheiro no futuro.
As restantes posições/jogadores que obviamente necessitamos existem de certeza no mercado sul-americano e deverá ser ai que os devemos ir buscar.

Independentemente de tudo não desejo nem quero grandes loucuras agora em Janeiro, apenas espero a entrada de Kleber para a saída de Djaló o resto deverá ser feito no final da época. Sabendo de ante-mão que os sportinguistas já não acreditam nem nesta equipa nem nesta direcção e só com resultados a opinião poderá se modificar.

Saudações Leoninas

38 comentários:

Carlos disse...

Sou da opinião de que presisamos de um PL e de um extremo já em Janeiro.
É preciso não esquecer que a saída do Pongolle não foi compensada e que o russo poderá estar de saída.

É que no mínimo dos mínimos, dos mínimos o mínimo, lutar pelo 2º lugar!
SL

RRAleixo disse...

Revisor,

Só uma correcção sugestão ao post:
na parte de debilidades esqueceu-se de colocar , Psergio, Costinha e JEB. Dando de "barato" que vamos ter que continuar a gramar com os 2 ultimos ponha o treinador que desde o carlos manuel não via um asno tão grande como treinador de futebol.

Incompetência e nulidade tatica=Paulo Sergio

Carlos disse...

Onde se lê "presisamos", deverá ler-se "precisamos", claro.

Miguel disse...

Venha então o "confirmado" KLEBER PINHEIRO (Maritimo/Atlético Mineiro) e um verdadeiro extremo de raiz que desequilibre e ai apostava tudo num destes nomes(pela ordem que defino): 1- Vieirinha(Paok); 2-João Ribeiro(Guimarães); 3-Bruno Gama(Rio Ave). Infelizmente o Daniel Candeias ainda é jogador do fcp emprestado ao Portimonense Sporting Clube portanto terei que excluir desta lista(a não ser que os nossos dirigentes se lembrem de fazer mais alguma negociata envolvendo o Izmailov ou o Yannick Djaló). No final da época (a custo zero) gostava muito de ver no Sporting o central Alberto Rodriguez do Braga.

Rui Fiel disse...

Juan Angel Albin. Em final de contrato com o Getafe... Abraço

vitor disse...

No outro dia não parecia ao Revisor que esta direcção tinha condições para formar um plantel vencedor no futuro!? O que me fez logo pensar que ou o Revisor vive no futuro ou tem uma bola de cristal. Este post é ainda menos elucidativo por causa da ante-mão, os sportinguistas já não acreditam nem na equipa nem na direcção, onde penso que se inclue, caso não seja de outro clube, não obstante todo o post mais não refere que as condições que esta direcção tem vindo a conseguir, ao fim e ao cabo o trabalho de todo o mandato. E ainda há vontade de falar de contratações!? Em que clube? Com que direcção!? Com o Revisor a presidente? S.L.

Riga/V-1-Boy disse...

miguel´´

o camdeias ja nao pertence ao porto

está no portimonense emprestado pelo nacional. foi envolvido no negocio do ruben micael , mas acabou por rescindir ficando o porto apenas com percentagem de uma futura venda. o nacional queria o helder barbosa, esse nao quis, rescindiu e foi para braga.

o vierinha é que acho que ja nao tem ligaçao ao porto , nem sei se o porto tem alguma percentagem

vitor disse...

Estava á espera do Revisor para ver se ainda tinha autorização para prosseguir, como demora vou arriscar.

Para mim a unica forma de estarmos seguros contra toda e qualquer eventualidade é no Sporting a mesma de qualquer clube no mundo: Dois bons jogadores para cada posição. Por exemplo foi manifesta a falta de Pedro Mendes e eu nem sequer estou certo que o mesmo jogador consiga fazer o resto da época na totalidade, nesse caso espero bem que Zapater se confirme na posição 6 como um valor acrescentado como amigos meus espanhois me asseguraram. Nunca percebi muito bem porque não foi lançado mais cedo, adaptção!? Ou até porque não substituiu agora Pedro Mendes, depois de assegurarmos o resultado, visava entrosamento a um e descanso a outro que pode vir a ser fundamental.

Claro que também eu fiquei aborrecido de só agora Paulo Sérgio ter conseguido o equilibrio, ao fim e ao cabo defenir uma equipa e um modelo de jogo, se depois concordo ou não já é só mais uma opinião pessoal. Para mim urgia implementar um chileno de vez no jogo da equipa, de preferência a 10.

E considerava mais válido os reforços acontecerem com jogadores da nossa liga a quem reconhecemos valor. Há muitos, para todas as posições, com a grande vantagem competitiva de poderem ser uteis no imediato. E não são só entradas que são necessárias, há jogadores que devem sair entretanto, até para abrirem espaço necessário. Ao fim e ao cabo está-se a construir um plantel, onde inclusive há jogadores que já não vão ser campeões no Sporting sem que isso lhes retire utilidade actual. Na próxima arrisco nomes.

Mais imporante e é o que me faz discordar do Revisor, não considero de todo que estejam reunidas as condições necessárias para podermos almejar ao titulo só com a entrada de reforços.

Há ainda muito trabalho para realizar, concluo que está a ser feito e por isso não considero de todo mudar a direcção, já perdemos muito tempo, há questões internas e externas por resolver e quem pensa que meio mandato é muito tempo só pode estar a brincar e por isso mesmo não pode levar a mal que outros brinquem também.

Força Sporting! S.L.

miguel disse...

"Erros" como o de Pongole vão sempre existir.
Talvez sejam evitáveis se os jogadores antes de assinar aceitem jogar um ano à experiência.
Qual o clube que não tem aquisições que não vingam?
transformar isso em mais uma peça de artilhria contra a Direcção é apenas mais um episódio nesta farsa que vai virando moda.

leao revisor disse...

Vitor

Voce pode conhecer este blog a pouco tempo mas nao existe NINGUEM que tenha defendido tanto as direcçoes como eu fiz durante muito tempo.
Isso nao me impede NUNCA de perceber que os sportinguistas (e falo sempre no geral) nao acreditam nesta equipa nem neste na direcção para formar um plantel campeao.

Aquilo que escrevo é a apenas a minha opinião que pode ser perfeitamente uma coisa impossivel de alcançar... Bastando apenas que os jogadores nao queiram vir para o SCP.

Mais eu dou valor ao trabalho da direcçao, o fundo no inicio era so para ser de 12 milhoes agora ja passou a ser de 20. Isso é merito de alguem. O costinha por exemplo conseguiu estancar as fugas de informaçao constantes e parece que ja existe alguma ordem naquele balneareo. Mas isto é tudo muito bonito mas quando a bola bate na trave em vez da rede ninguem se lembra disto.

Para terminar, mesmo que o SCP consiga um optimo plantel para o ano, acho que os sportinguistas só vão acreditar que realmente é possivel ser campeao depois de verem os primeiros resultados.

vitor disse...

Ok Revisor, sempre percebi mais que as boas intenções do fonte segura, verdadeiro esclarecimento leonino que inclusive não impede opiniões pessoais sobre o nosso actual momento. Garanto nunca ser merecedor de censura, sempre que me meti com o Revisor foi em tom de brincadeira que julgo caber numa caixa de comentários num blogue, vou passar a avisar quando estou a ironizar. Um abraço sincero de consideração.

Agora o que considero mais sério é ousar-se brincar com o nosso actual momento que causando-nos sofrimento a todos seria muito mais prejudicial voltarmos a brincar ás eleições.

Não consigo prever quando o trabalho que está a ser relizado produzirá resultados, óbviamente refiro-me ao titulo que todos desejamos, porque o que o Revizor acabou de dizer já são resultados, a minha percepção é mesmo essa que se está a caminhar para a frente e que para além de não competirmos sózinhos claro que vai sempre haver pedras no caminho. Eu continuo a acreditar que esta direcção depois da época passada está a fazer o que se impunha e não ponho duvidas que há manobras internas de boicote que têm dificultado ainda mais a vida á direcção.

Já o que se passa na resto da blogosfera não passa de pouca informação e muita pressa, quando não é má-fé. S.L.

Lionheart disse...

A propósito dos bastidores do futebol, são muito curiosas as afirmações do presidente do Setúbal sobre Jailson, o jogador que falhou a marcação da grande penalidade no Dragão. Ao dizer que se pudesse despedia-o, das duas uma: ou este dirigente se precipitou completamente (porque a não haver nada, devia defender o seu jogador e a honra do seu clube) ou sabe alguma coisa que nós não sabemos (mas desconfiamos). A seguir a carreira deste jogador, em particular o seu destino na próxima época...

Por causa do que aconteceu no Porto, Costinha já está a avisar, e bem, que não vale beneficiar à posteriori quem foi prejudicado antes. Nem é preciso dizer mais nada.

vitor disse...

Já outros não param de promover um divórcio entre presidente e director de futebol, palavras para quê? Força Sporting!S.L.

vitor disse...

O Sporting foi ao circo e nem um post na blogosfera!? Vamos lá ver se ainda vamos a tempo de saber quem é o palhaço.

De onde sobressairam as declarações de Costinha que o Lionheart refere, assim como alguns editores na blogosfera com um tom menos abonatório, querem guerra!?

Foi dos melhores actos de comunicação do director de futebol num clube que nem sempre trata muito bem a comunicação, inclusive aqui na web, quase tudo o que se comenta é muito mais o que se diz do que realmente aconteceu, no que é só um exemplo da relevância que a comunicação assume nos dias de hoje também no futebol.

Apesar do tom ocasional em que foram proferidas as declarações, foram com toda a certeza pensadas e muito bem, digo eu, tratou de proteger o Sporting, afinal de contas é contra o Setubal o desafio que se segue, apontando o dedo á arbitragem no Dragão. Mais um vez nem todos nos podemos comportar como adeptos e já agora se for essa a intenção que se perceba ao menos de que clube são. Força Sporting! S.L.

Sigurd disse...

Deixei de ler quando o leao revisor diz a certa altura:
'Virtudes:
-Grandíssimo Guarda-Redes'
...

vitor disse...

Quero terminar a intervenção no post em que estando as águas mais calmas, suponho pelas 5 vitórias consecutivas, o Revisor aproveitou para dizer que os sportinguistas já não acreditam nesta direcção!?

Pois bem, eu acredito! E por muito tempo! E não só por um mandato, acredito mesmo que este seja o primeiro de muitos, ao contrário dos sportinguistas que o Revisor conhece e exactamente pelo trabalho que o Revisor refere, a par por exemplo do desenvolvido nas modalidades que estranhamente muitos não associam a JEB!?

Que vai inclusive construir o pavilhão em falta, é bom que se diga que esta direcção abdicou já de € 5 Milhões com essa intenção.

No que é só mais uma grande prova que JEB irá inevitávelmente entrar na história do Sporting.

Modalidades que vinham a ser subestimadas há muito tempo, foram inclusive o maior erro da direcção de Roquette, outro presidente que os sportinguistas insistem em maltratar e que indubitavelmente colocou o Sporting no séc XXI, estádio, academia e titulos, o primeiro com uma equipa operária, o segundo já com estrelas que precipitaram o actual calvário com Duque ao comando.

Todas as equipas campeãs demoram tempo a construir, ainda mais importante que os nomes no futebol será sempre a atitude competitiva, em suma a forma como se aborda a competição, Costinha, o maior alvo da indignação dos adeptos veio revolucionar muita coisa que precisava de ser mexida, a meu ver muitissimo bem.

As palavras de Tiago ontem no circo que passaram despercebidas a muitos são nesta óptica para mim muito importantes: " ...nunca tinha visto a equipa tão unida."

É este conjunto de coisas que pelos vistos passa despercebida a muitos sportinguistas que mais do que fazer com que não concorde com o Revisor me deixa optimista em relação ao futuro.

Claro que fico triste pela atitude dos sportinguistas que o Revisor refere. Claro que penso que a atitude certa dos adeptos comuns seria apoiar a direcção. O tempo encarregar-se-á de mostrar quem tem razão. Força Sporting! S.L.

vitor disse...

O tempo e os resultados, como diz o Revisor.

Lamento que em Portugal esteja muito mais institucionalizado festejar com a equipa que apoiar os jogadores que representam o clube.

Assim sendo começa a justificar-se os sportinguistas aparecerem no estádio, se calhar estão á espera das grandes exibições, como viam antigamente, com o estádio completamente cheio, quando lutavamos sempre pelo titulo, são ao fim e ao cabo algumas de muitas mentiras que os sportinguistas que não acreditam vão sustentando aqui na blogosfera leonina como justificação ao boicote que fazem ao estádio, para além de se comportarem mais como adversários do que como verdadeiros adeptos em relação ao clube, o que 1 sportinguista lamenta profundamente. S.L.

vitor disse...

Na minha opinião os adeptos também deviam merecer um post na blogosfera leonina, para ver se percebiamos quem falha mais no Sporting. Farto de ver malhar na direcção e farto de malhar na fome de poder. S.L.

vitor disse...

Porque na minha experiência um estádio cheio vale mais que 11 estrelas, já que falamos de reforços, que venha o 12º jogador. Bilhetes a € 5 no próximo jogo em Alvalade! Força Sporting! S.L.
P.S. No dia dos nucleos foi as bancadas que venceram o Rio-Ave!

Lionheart disse...

Vai sonhando Vítor. Quando o Sporting estiver na frente do campeonato, Alvalade vai encher. Até lá são sempre os mesmos resistentes, embora seja imperativo que se baixe os bilhetes para diversificar o público que vai ao estádio. Se forem sempre os mesmos, já se acham os donos daquilo e é um ambiente péssimo.

De resto, no panoramo dos adeptos portugueses, o que se pode dizer é que o Sporting tem resistido bem à crise de resultados. As nossas receitas de quotização continuam acima das do porco, que tem ganho tudo. As assistências estão em baixo por causa dos maus resultados no campeonato de há uns anos a esta parte, não por causa da SAD, dos dirigentes ou por causa do Sporting já "não" ser grande, como alguns cretinos andam para aí a arfar. O carnide tinha o estádio praticamente vazio no terça-feira e só meteu 25 mil espectadores na sexta. O porco também teve assistências fracas o ano passado.

Os adeptos portugueses têm pouca qualidade e nós, como já disse, até vamos resistindo menos mal, dada a nossa crise financeira e de resultados. Mas o Sporting se atina é um caso sério, daí que seja preciso estar sempre a minar isto. Ontem o Correio da Manhã dava tanto destaque ao descalabro lampiónico nas competições europeias (até o braga, com um décimo do orçamento do carnide, se tanto, fez melhor figura na Liga dos Campeões) quanto a uma "notícia" encomendada (é sempre uma "fonte" anónima...) a dar conta de "desentendimentos" entre o Bettencourt e o Costinha.

Quando não há nada inventa-se. Mas mesmo que haja, nos outros clubes também há tensão e os media não escarafuncham. Já veio o Rui Costa apelar à união e a comunicação social tem muito respeitinho. Se fosse o Sporting a fazer a figura que fez o carnide depois de tanta fanfarronice que iam ganhar a Champions, não faltaria pressão mediática. Com o carnide autocensuram-se para não prejudicar o desempenho da equipa. É bom que os sportinguistas tenham consciência desta realidade, em vez de estarem sempre a disparar para dentro.

vitor disse...

Viva Leonheart,
Falo dos adeptos porque são parte vital do clube e nunca se fala do seu comportamento. Todos juntos éramos mais fortes, infelizmente em Portugal só se vai ao estádio nas marés altas, quando devia ser precisamente o contrário.

Começava logo pelos centuriões, foi só preciso o Sporting começar a ganhar e a centuria fechou!? Devem estar a restaurar...o edificio do boicote. E que restauro...8 dias!? Tudo bons rapazes...

E concordo, acho que se fez muito e bem no que respeita ás game box, era preciso fazer mais no que respeita aos bilhetes, sobretudo politicas pontuais. O Braga fez muito na época passada, este ano até já assegurou bilhetes para os adeptos em campos adversários.

Agora o que é preciso é ganhar em Setubal, é sempre muito dificil, sobretudo a eliminar na taça de Portugal, é um troféu que diz muito aos clubes que não conseguem lutar para o titulo. Que o Liedson quebre o jejum. Força Sporting! S.L.

Lionheart disse...

O Sporting tem de trabalhar mais para assegurar a mobilização fora de casa. Estamos atrasados em relação aos rivais nesta matéria e era imperativo fazer o que faz o braga, por exemplo, até para reduzir a dependência das claques, em particular da JL. Além de termos de ser mais agressivos na captação de público em casa. A época não está a ajudar e tem de ser o clube a puxar pelos adeptos nesta altura. É a realidade que temos. Que se aposte nos núcleos e em bilhetes mais baratos para sócios que tragam acompanhantes, por exemplo. Enfim, tudo o que aumente a moldura humana em Alvalade, porque ainda por cima, as assistências baixam nas outras competições que não o campeonato. O desempenho da equipa na Liga Europa não merecia assistências tão baixas nesses jogos.

PS - Esta manhã já me ri com a lampionagem. O Jorge Jesus corre perigo de vida. ;) Já se sabia que ele, por ser assumidamente sportinguista, ia passar um grande mal bocado quando as coisas corressem mal na Luz. Então agora a lampiongem anda a dizer que o Pinto da Costa comprou o Jesus. Que e o aliciou a ir para o porco, prometendo-lhe um contrato milionário se o carnide não pagasse o que o Jesus exigisse pela renovação (isso é mais ou menos "público"), mas mais, que o subornou para fazer o que pudesse para o porco ganhar o campeonato, ou seja, por exemplo, pedindo jogadores de qualidade duvidosa como reforços para enfraquecer o carnide. Verdade ou não (e para mim é-me indiferente a veracidade desta história) o certo é que alguns lampiões acham mesmo que o Jesus está feito com o Pinto da Costa, e até o Vieira já disse publicamente que o Jesus tem os reforços que pediu. Aguardemos... ;)

Joao disse...

Caros amigos,

Continuo sem entender a vontade de ir buscar o refugo do Porto.

Não é que não sejam bons jogadores, mas convém primeiro olhar para dentro e ver o que a nossa academia produz.

Quanto ao Grandíssimo Guarda-Redes, apesar de muitas vezes ter contestado o Leão Revisor, neste momento tenho de dar o braço a torcer. O Rui Patrício é neste momento um dos melhores GR da Europa.

Assim que conseguir ser titular na selecção (o que não falta muito), vai ser tremendamente valorizado.

Quanto ao reforço do nosso plantel, apostava de olhos fechados no Kleber do Marítimo, na venda do Djaló e Liedson e fazia regressar o Wilson Eduardo.

Para a lateral direita e como opção ao João Pereira temos o João Gonçalves que está emprestado ao olhanense.

Centrais - Emprestava o Torsi durante uma época para fazer a adaptação ao Futebol Português fora de Alvalade. Em relação ao Nuno André Coelho podia ser envolvido em algum negócio no panorama nacional. Fazia regressar o central que está na Bélgica.

Lateral Esquerdo, despachava o Grimi e fazia voltar o André Marques.

Meio campo - Diogo Rosado para crescer em Alvalade, o Renato Neto passava para a Liga Portuguesa, rodar em Portugal e recuperava o nosso Izmailov (de longe melhor que Vuk, Matias, e Valdés). Outra possibilidade que me agradaria era ir buscar o Sougou do Leiria, poderia vir a ser importantíssimo no Sporting.

Podem achar absurdas algumas das minha considerações, mas como referi há dias, não temos capacidade para ir buscar fora, jogadores do calibre daqueles que tem saído de Alcochete.

Figo, Ronaldo, Carriço, Moutinho, Veloso, Nani, Simão, André Santos, Quaresma, Patrício, Varela entre tantos outros.

SL

Jota Bê

Joao disse...

Alguém sabe o que é feito do Rabiu Ibrahim??

vitor disse...

E como ainda não me debruçei sobre jogadores interesantes onde claro que concordo que há jogadores fantásticos a jogar na nossa liga, como o Rodriguez ou o Lazzaretti que o Paulo Sérgio treinou o ano passado, gostava de salientar dois jovens portugueses, Diogo valente que é tão fantástico como o Coentrão que tive muita pena que o Sporting perdessse, quase tanto como o Ruben Micael, acho o açoriano o melhor médio criativo português e depois um que além do talento é um poço de trabalho também no meio campo, de Caxinas como o Postiga, Vitor Gomes.

Para terminar no outro dia concordei com o Camoesas sobre a necessidade da magia de um jogador africano, Sougou, que saudades do Douala que jogou tão pouco tempo em Alvalade e que tinha muita magia e velocidade. Acredito que Costinha e Paulo Sérgio estarão atentos ás necessidades do Sporting assim como ás disponibilidades.

Também acho fundamental assegurar o acesso á Champions este ano, vamos a ver.

Força Sporting! S.L.

P.S. O ano passado joguei na liga Record, é um óptimo sitio para avalizar da regularidade dos jogadores como o ex-capitão do Leixões Hugo Morais, o trinco do Braga, Vandinho, o lateral e o avançado do Leiria, Vinicius e Cássio e muitos mais. E também sobre a qualidade dos treinadores de onde sobressairam os ex-jogadores do FCP, Jorge Costa e Domingos, assim como do nosso Paulo Sérgio e claro também do Jorge Jesus que como o Lionheart diz tem a cama feita no Benfica.

NAM disse...

Deviamos ir buscar rapidamente alguem com olhos para o dep de futebol que deixe de contratar directores de futebol e treinadores com a mesma experiencia do presidente

vitor disse...

Já do que eu não percebo nada é das condições dos jogadores que devem ser fundamentais para os negócios como o Revisor diz.

Oiço falar que é muito dificil comprar jogadores na Madeira, de onde ainda esta época o Machado levou um trinco moderno bom para o Guimarães, o que deve originar forçosamente recorrer ao estrangeiro, o que para mim faz que tudo demore mais. Vamos ver. Eu acredito mesmo que o que for possivel fazer será alcançado. Força Sporting! S.L.

vitor disse...

Infelizmente só não percebo que sentido faz falar em reforços se a ideia for colocar em causa a estrutura do futebol que vai originar logo danças no balneário e começar tudo do zero.

Não percebo como é que querem construir um plantel ganhador com tanta instabilidade, uma coisa é o treinador, que já de si é grave, se incluirem o director desportivo e o presidente então serão mais uns anos a ver os outros ganhar, alguém duvida? Claro, o pessoal dos milagres. S.L.

vitor disse...

Só agora soube da goleada do Maritimo á Académica, mais uma vez o jogo da equipa da Madeira foi suportado pelos seus dois melhores jogadores, Djalma e Baba, é a crer na sua permanência no Maritimo que acredito na dificuldade de negociar com os clubes da ilha, Baba é há muito tempo o avançado que eu gostaria de ver substituir Liedson e Djalma é dos melhores municiadores da nossa liga, o angolano mais tarde ou mais cedo destacar-se-á num grande clube, pelo menos disso estou convicto já que se fala de reforços para o Sporting. S.L.

vitor disse...

Já do Kleber não falo por duas razões, não o conheço e não sei o que lembrou ao Revisor, o brasileiro e o Atlético de Mineiro têm tudo açertado, o papa vai emprestar o jogador ao Sporting? Não creio! O walter abortou o negócio? Não creio! Ou muito me engano ou o Kleber acabará por jogar no Dragão. De qualquer forma há muitos avançados bons, inclusive em Portugal. S.L.

NAM disse...

vitor pessoal dos milagres é aquel que não vê o que esta estrutura tem feito, até quando vamos continuar a ver os outros ganhar ?

NAM disse...

no ano passado ficámos a 28 pontos do primeiro, este ano já perdemos 17 pontos só na primeira volta !!!!

Neste momento e com 6 pontos em disputa temos 22 pontos, no ano passado acabámos a 1ª volta com 24 pontos, igualar a marca ou fazer pior será bom ou milagre ?

Lionheart disse...

Estão a esquecer-se que se o porco não tem tido a mãozinha das arbitragens no início da época o campeonato estava embrulhado. Eles podiam estar na frente, mas não teriam a vantagem extremamente confortável que têm agora. E isso faz toda a diferença, porque o porco seria uma equipa muito mais pressionada, enquanto a equipa do Sporting e a sua estrutura dirigente não estariam tão em baixo de fogo.

Mas assim, qualquer jogo do Sporting para o campeonato é uma "final", uma angústia permanente para os jogadores e equipa técnica. É péssimo estar numa situação em que se a equipa ganha os sportinguistas não dão mérito porque é a nossa "obrigação". Depois, como estamos a uma distância considerável do 1º classificado, poucos acreditam que as vitórias do Sporting sirvam para alguma coisa. Não é o meu caso. Mas por outro lado, se o Sporting perde pontos está logo o baile armado, com uma instabilidade interna permanente, e uma blogosfera doentia cujo sal da vida de muitos é poderem desabafar. É lamentável e não é assim que se consegue construir algo de positivo no clube, seja com que direcção ou treinador for. Há pessoas que deviam rever a sua relação com o Sporting, ou deixá-lo de vez.

vitor disse...

NAM,
O que acabou de fazer é que é um dos sportinguistas que o Revisor refere, evidentemente é um direito que lhe assite, eu felizmente não partilho da sua opinião, suporto um Sporting com uma dimensão um bocadinho maior, nem percebo aliás essas questões sobre pontos depois de tudo o que escrevi e que repito, o futuro encarregar-se-á de mostrar quem tem razão e igualmente importante é o comportamento de cada um até lá, eu não tenho muita tendência para respeitar quem passa a vida a cobrar dos outros e nem o seu papel consegue cumprir, se está tudo mal convinha começar a pensar em ajudar, candidatos ao papel de adepto irresponsável já há muitos na blogosfera leonina. S.L.


De qualquer forma sou obrigado a solicitar escusas ao Revisor, os adeptos retratados no post existem mesmo e pelos vistos estão convencidos que carregam de razão!?

P.S. De qualquer forma ainda, estou absolutamente convencido que a época anterior não se repetirá, claro que falo no que se passará dentro da relva, porque ao nivel das bancadas ainda estamos piores, sobre isso estou aliás a começar a ficar convencido que JEB instalou-se na cabeça de muitos adeptos, como tal é também responsável pelo que cada um faz!? Nem me atrevo a perguntar quem seria o Deus dos milagres do NAM.

vitor disse...

O problema dos adeptos é aliás sempre o mesmo na blogosfera, mesmo os que não estão alienados só vêm o que lhes interessa, quem ainda não percebeu alterações de fundo inclusive na estrutura de futebol só pode andar muito distraido e claro que são para melhor, de resto custa-me a entender que não pensem que também a direcção gostaria de poder contar com mais valor acrescentado na equipa de futebol, é mais que evidente que se trabalha em Alvalade na forma de as contornar, não sei que mais se poderá exigir a uma direcção, claro, voltamos também aqui ao mesmo de sempre, milagres.

E que tal se começassem a rezar? Ou a apoiar a equipa no estádio? Era capaz de ser boa ideia, de assegurar inclusive alguns pontos que os jogadores sózinhos não conseguem, talvez assim todos contribuissem para dimunuir a diferença que nos separa da frente, o unico senão seria mesmo que deixaria de haver motivos para o bota abaixo que dá provas de ser a actividade preferida dos adeptos do Sporting na web. S.L.

vitor disse...

O Manolo é um dos que carregam o saber e a experiência de campeão em Alvalade. Sobre reforços disse uma coisa importantissima no inicio da época, á frente das qualidades futebolisticas estará sempre o profissional.

Por concordar e nada saber sobre isso sobre a maior parte dos jogadores é que é ariscado sugerir jogadores.

De qualquer forma tenho a certeza que o director de futebol tem esse aspecto em linha de conta quando aborda o mercado, o que faz descartar á prióri jogadores que parecem fantásticos.

Como foram o Polga e o Liedson, o primeiro perdeu a pouca velocidade que tinha, o segundo é mais grave. Mudou tudo, deixou de ter uma equipa a jogar para o ponta de lança, desgastar-se na procura da bola nunca deveria ser para o Levezinho. E espero bem que sejam só questões de ordem táctica que afectam o seu rendimento que não acredito que volte, mesmo com a progressiva melhor forma fisica. O Liedson só deveria ser equacionado como solução de área, já li que muitos defendem o mesmo na web.

O que sei ao certo é que precisamos de alternativas crediveis em 3 posições do campo fundamentais, central, trinco e matador. Uma ou outra lesão voltam a comprometer o equilibrio da equipa. Espero bem que não aconteça mas sobretudo que haja possibilidade de as resolver. Custou muito a falta de Pedro Mendes.

Força Sporting! S.L.

vitor disse...

E Pedro Mendes diz hoje: "Já temos um grupo forte" e "Toda esta equipa técnica é excelente".
Um campeão Europeu deve saber do que fala.
Diz ainda que não lhe passa pela cabeça passar pelo Sporting sem ganhar titulos e acaba a prometer " Vamos ter Sporting até ao fim."
Isto é muito mais importante que qualquer reforço. Para mim os dois jogos com o Setubal vão ser determinantes nesta fase da época.
Era este tipo de desafios que não costumavam correr bem no passado recente, onde por vezes hipotecávamos a época toda. Estou expectante em ver a evolução da equipa. No Sporting o que sempre me custou mais era que quando a responsabilidade aumentava as sucessivas equipas muito jovens nunca conseguiam responder, no que até era natural. Acredito mesmo que evoluimos, mas não fico só pelo acreditar, faço questão de o demonstrar apoiando a equipa. O Manel vai ter que fazer o favor de deixar o Sporting passar.
Força Sporting! S.L.

Lionheart disse...

Os jogos com o Vitória de Setúbal, porque exigem atitude e profissionalismo em campo, vão demonstrar se podemos esperar progressos esta época. Se ganhar, o Sporting começa a evidenciar regularidade e a impôr respeito. Se não ganhar, mostra a mesma toada de andar aos repelões, típica de uma "equipa" sem vontade e seriedade. Tem sido assim o futebol do clube quase sempre desde 2002, e já que pouca esperança podemos ter relativamente ao título (por causa de um distância pontual dificilmente recuperável devido à fraca competitivida da liga e às arbitragens tendenciosas) ao menos que a equipa mostre progressos, o que certamente iria levantar o ânimo dos adeptos e fazê-los apoiar o Sporting em maior número. Esta época pode lançar as próximas, ou não. Não haveria nada mais desmoralizador para o sportinguismo que ver o futebol profissional sem melhoria.

Quanto a reforços, esse exercício não faço porque é inútil. Não estou por dentro dos assuntos, não sei qual é a disponibilidade financeira do Sporting, qual é a ideia do treinador e a disponibilidade e independência dos clubes que possam ter jogadores que interessem ao Sporting. As posições que precisam de opções estão identificadas por todos, mas daí a escolher nomes, vale o que vale, ou seja, nada.