terça-feira, 2 de setembro de 2014

Fecho de mercado e a estratégia

Com o fecho do mercado é finalmente tempo para se fazer um balanço com mais certezas. Das 11 contratações para a nova época existiram 3 grandes reforços, Nani, Wiliam e Slimani.
Neste momento o SCP apresenta um plantel de 29 jogadores, 4 acima do numero mencionado pelo treinador e direcção no inicio deste campeonato, ainda existem mercados abertos e não me admiraria que ainda houvesse uma ou outra saída.
O líder do clube numa visita aos estados unidos disse e passo a citar "Investimentos cirúrgicos e apostar na formação." Hoje facilmente para quem não anda com 2 palas nos olhos ou não trabalha para a Youngnetwork admite que nada disto foi feito. Aliás se Nani não tem chegado o ataque ao mercado tinha sido tudo menos aquilo que nos "prometeram".
Aliás tirando Nani que para mim foi o melhor reforço que chegou a Portugal, nenhum outro "reforço" entrava no 11 se não tivessem havido saídas da 1 e 3 opção para o centro da defesa. Por isso o SCP apenas e só aumentou a qualidade das suas segundas linhas, tendo agora mais opções mas longe de terem sido contratações cirúrgicas e ainda mais longe de se apostar na formação.
Seria fácil de prever que Esgaio seria muito melhor opção que Geraldes, ou no mínimo era evidente que NUNCA Geraldes seria um jogador para o SCP, será apenas mais um que nunca vestirá a camisola do SCP num jogo oficial (e ainda bem) até porque tem Cedric (a menos que vá para a prateleira por causa do contrato), Esgaio e ainda Miguel Lopes. Com um central como Tobias Figueiredo, contratar 3 centrais com a sua idade é "apostar na formação" desde quando? Alguém tem a coragem de me dizer que existe uma aposta na formação quando se faz isto? E podia ir caso a caso, porque haveria mais situações semelhantes mas temos mais um caso "curioso" Sacko foi a nossa ultima aquisição. Jogador que joga "preferencialmente nas alas" (segundo o site do clube) mas também pode jogar na frente de ataque ou como segundo ponta de lança jogando mais solto... ora bem Mané nem tem essas características... pior, emprestamos Wilson Eduardo que novamente tem as mesmas características.
E no caso do Wilson até estou perfeitamente à vontade, nunca o achei grande jogador, mas não é da formação? não ganha substancialmente menos que Sacko? Não pouparíamos 1,4M de euros? É este o jogador que vai entrar no 11? Estará à frente de quem para entrar na equipa? Será a 3º ou 4º alternativa? É isto que consideram apostar na formação?
Finalizando este assunto, o SCP contratou Rabia dia 9 de Agosto, foi anunciado no final desse mesmo mês que o jogador teria que ser operado... Ora pela informação prestada pelo nosso clube será um problema contraído num jogo pela sua selecção num músculo da parede abdominal, e o seu tempo de paragem será de 4 a 5 semanas. Curiosamente, se alguém for operado a uma pubalgia o local da operação é bem parecido e o tempo de recuperação semelhante... apenas uma curiosidade.
Portanto em resumo o SCP melhorou a quantidade de opções mas perdendo os seus 2 melhores centrais e contratando o melhor jogador em Portugal a qualidade do 11 ficou ligeiramente superior à do ano passado.
Finalmente comecei a perceber a estratégia da direcção, demorou mas finalmente percebi, como disse e ficou evidente a aposta na formação é apenas uma bandeirinha para levar aos núcleos e à Sporting TV, como ficou claro na prática não é isso que sucede. Vários jogadores da formação foram transferidos definitivamente no ultimo dia de mercado, sinceramente nenhum desses me preocupa porque nunca vão ser grandes vedetas, e na altura já tinha alertado para o erro que estava a ser renovar por 5 anos com jogadores medianos. Começo a ficar convencido que existe uma estratégia para que no futuro não se discuta as contratações de jovens jogadores com o argumento que na nossa formação não existe alternativas melhores. Apenas e só com esta direcção já saíram em 2 anos, 4 jovens muito promissores, 2 deles (Moreto e Mateus) que estavam no Top dos jogadores formados na Academia, se esta sangria não acaba e continuar a acreditar nos "contratos modelo" não me parece a melhor opção para acabar com isso. A equipa de Juniores já é demasiado fraca para o nível do SCP, temos uma equipa de Juvenis boa (já foi enfraquecida com 3 internacionais) se continuarmos a perder jogadores não iremos ter num curto espaço de tempo ninguém para colocar nos séniores e aí haverá uma passadeira vermelha para a politica de "Investimentos cirúrgicos e apostar na formação." continuar a ser colocada em pratica.
Saudações Leoninas

50 comentários:

Melas disse...

Epa tou cansado de te ler ó revisor, possa que e sempre a mesma brincadeira. Resumindo, o clube com mais minutos atribuídos a jogadores formados no nosso campeonato não aposta na formação?! Então mas faltam minutos ao mane? Então mas será que custa perceber que apostar em contratações de atletas jovens é prática em todos os clubes no mundo, ou pelo menos aqueles que projetam o médio longo prazo dos seus planteis.

A sério não da para te aturar.

Ninguém acerta sempre, claro que deste lote de jogadores, alguns não vão singrar, como parece ser o exemplo do Geraldes. No entanto prefiro que assim seja, sempre é melhor do que entrar numa de Godinho e desatar a comprar refugo a preços elevados, que ainda hoje andamos a pagar.

Última dúvida, só para verse és minimamente honesto do ponto de vista intelectual, será que seria possível trazer esses reforços cirúrgicos para entrar de caras na equipa, dentro dos limites salariais impostos? Se sim, que idade teriam esses atletas e qual seria o seu potencial de valorização futura? Outra, será que tinhas uma base suficientemente forte para apostar apenas nesses reforços, numa época em que disputas quatro competições?

Fico a aguardar as desculpas e fugas para a frente do costume.

Viva o Sporting

SL

Diogre disse...

vamos por partes:

1. o mercado de verão em 2014

concordo que a forma como esta "estrutura" geriu o mercado podia ter sido bem melhor. Houve erros, alguns bem graves, como o LR salientou repetida e incansavelmente ao longo dos seus posts. A aquisição de geraldes, a não renovação de Dier, as não colocações de Lopes, Cissé e outros que tais são disso alguns exemplos. Mas nem tudo foi merda, como diz. Já agora, não tinha escrito que o Jonathan Silva era uma mais-valia? mudou de opinião?

2. a "estratégia"
O LR, através da sua extrema perspicácia, há uma verdadeira CABALA a ser montada por esta direcção. Querem mandar embora os melhores deliberadamente, como se tem visto, e trazer uma camião de "jogadores-lixo" a cada temporada. Acusações gravíssimas, penso que todos concordaremos.
Mediante estas gravíssimas acusações, tenho duas perguntas para si:
- Com que intuito é que esta direcção faz isto? explique-me como se eu tivesse 5 anos, e vá até ao fim nas suas acusações homem!

- por acaso, mas só por acaso, TEM PROVAS?

- está a planear denunciar esta tentativa de destruição do Sporting Clube de Portugal em sede de AG, ao conselho fiscal ou à comunicação social, para que seja investigada? Qual o seu plano para ajudar o Sporting de que tanto gosta destes verdadeiros malfeitores?

Agradeço que, mediante a gravidade do que escreveu e do que lhe pergunto frontalmente, me responde e não se desvie das questões. São perguntas bem simples, não se esquive.

SL

tiscp disse...

Agora que fechou o mercados, sim poderemos fazer uma análise e qualificar o trabalho da direcção.

Para mim.a abordagem deste ano ficou aquém das expectativas, depois do brilharete realizado no ano passado esperava-se mais.

Comecemos pelo positivo, a contratação do Nani foi espetacular e sem sombra de dúvida a melhor contratação do defeso, e uma enorme mais valia para a equipa.

Quanto a mim começamos a fazer umas contratações interessantes, jogadores jovens com potencial e que vieram colmatar lacunas nas alternativas existentes.

Negativamente, temos claramente o não aumento da qualidade do onze inicial, não tendo sido colmatadas 3das grandes lacunas identificados por todos, um patrão para a defesa, com a agravante de ter saído o nosso melhor central, um número 10 e um avançado, tendo neste aspecto ter sido suprida apenas a necessidade de termos mais um ala desequilibrados.

Essa conversa de não termos dinheiro para ninguém que entre de caras no onze, não sei se e bem assim, quando se gasta 18M, penso que seria possível ter trazido alguém capaz de ser o patrão da defesa ou um avançado como aquele que infelizmente fugiu para norte.

Juntando a isso temos a não resolução de casos pendentes, por agora e caso não saia mais ninguém, temos 4 defesas direitos e 7 extremos, parece-me claramente exagerado.

E existe ainda o calcanhar de Aquiles desta direcção, a formação e a perca das maiores pérolas.

tiscp disse...

Agora que fechou o mercados, sim poderemos fazer uma análise e qualificar o trabalho da direcção.

Para mim.a abordagem deste ano ficou aquém das expectativas, depois do brilharete realizado no ano passado esperava-se mais.

Comecemos pelo positivo, a contratação do Nani foi espetacular e sem sombra de dúvida a melhor contratação do defeso, e uma enorme mais valia para a equipa.

Quanto a mim começamos a fazer umas contratações interessantes, jogadores jovens com potencial e que vieram colmatar lacunas nas alternativas existentes.

Negativamente, temos claramente o não aumento da qualidade do onze inicial, não tendo sido colmatadas 3das grandes lacunas identificados por todos, um patrão para a defesa, com a agravante de ter saído o nosso melhor central, um número 10 e um avançado, tendo neste aspecto ter sido suprida apenas a necessidade de termos mais um ala desequilibrados.

Essa conversa de não termos dinheiro para ninguém que entre de caras no onze, não sei se e bem assim, quando se gasta 18M, penso que seria possível ter trazido alguém capaz de ser o patrão da defesa ou um avançado como aquele que infelizmente fugiu para norte.

Juntando a isso temos a não resolução de casos pendentes, por agora e caso não saia mais ninguém, temos 4 defesas direitos e 7 extremos, parece-me claramente exagerado.

E existe ainda o calcanhar de Aquiles desta direcção, a formação e a perca das maiores pérolas.

futeboldatreta disse...

Mais um post a repetir aquilo que já disse 50 vezes.

É bom sinal, um blog que só existe para criticar, pegar sempre no mesmo. Muito bom sinal.

Eu também acho que o Esgaio e o Tobias podia estar na A, assim como o Iuri. Das conntratações, umas gostei, outras nem tanto. Mas foi uma clara aposta de futuro. Acho que nunca tivemos tantos sub21 de talento. Entre formação e contratações encontram-se facilmente 15 ou 20 jogadores com enorme potencial, se metade deles corresponder já será bom.

Foi pena o Capel e o Miguel Lopes não terem arranjado clube mas com os salários exurbitantes que os teus amores querdidos lhes deram era difícil.

Quanto ao Matheus, se estava à espera que o Sporting lhe desse um salário ao nível do Monaco que vá depressa.

Jalex disse...

Vamos por partes então.


Em relação ao aumento das opções do plantel acho que não passa mesmo disso.Temos mais jogadores, mas não consigo afirmar que exista mais qualidade.
Dizia-se que ao Sporting faltavam segundas linhas, mas a meu ver segundas linhas têm de ser jogadores capazes de dar uma resposta positiva quando chamados.

Nem se pede que tenham de qualidade idêntica aos titulares, apenas que sejam jogadores que quando chamados a substituir os titulares a equipa não se ressinta tremendamente com a sua entrada no onze.

E neste três jogos já tivemos um exemplo disto.

William não pode jogar contra o Arouca e sendo assim a segunda linha do plantel entrou em acção(Rosel).
O resultado?Um desastre, bem sei que William é um jogador complicado de substituir mas o Espanhol pura e simplesmente não conseguiu mostrar-se como uma alternativa decente sequer.Uma exibição para esquecer(alias nem a segunda parte desse jogo jogou...nem ao treinador passou despercebido).

Esse apenas um exemplo da tal referida segunda linha (o único bom exemplo flagrante que ainda existiu).

Portanto ate ver não há nada que garanta que esta segunda linha seja uma mais valia.Vamos esperar que alguns jogadores quando chamados possam dar uma resposta positiva mas para já isso não passa mais de um whishful thinking que outra coisa.

Em relação ao Nani não se pode negar que se tratou de uma oportunidade de negócio.Não foi um "ataque" planeado ao mercado, pois se Rojo não tem ido para o Manchester não teríamos hoje o internacional Português. Foi uma feliz coincidência e uma grande oportunidade de negócio(e ainda bem para o Sporting), mas não consigo deixar de pensar que se esta oportunidade de negócio não tivesse surgido quem seria o jogador que teríamos no lugar de Nani? Foi um acaso do destino muuuito feliz para o Sporting...


Quanto á qualidade dos sectores,de facto melhoramos o nosso ataque com a entrada de Nani e com o inesperado momento de foram de Carrillo (veremos ate quando).Mas pioramos imensamente no centro defensivo. Se Eric tivesse permanecido penso que a saída de Rojo seria pacifica(Maurício e Dier na pré época deram excelentes indicações) mas com a saída dos dois criou se um grave problema aqui.

E mesmo com a vinda de três centrais o sinal de alerta se mantém.

Maurício faz uma dupla de terror com Sarr, e o jovem mostra uma competitividade e qualidade que não fazem dele mais que uma opção da equipa B actualmente(deveria estar a "crescer" ao lado do Tobias na B).Tenho muitas dúvidas que Paulo Oliveira venha a singrar, e é inexplicável como o Sporting avança para sua aquisição depois deste realizar uma época desoladora no Guimarães.Resta saber o que vale Rabia, sendo certo para já que tão cedo não será opção(quer pela lesão quer pelo tempo que vai levar a ambientar-se ao futebol Europeu).

Em suma temos um problema verdadeiramente grotesco na defesa, e lamento que não tenha havido pelo menos a tentativa de remediar isto(ou solucionar mesmo)por parte desta direcção neste fecho do mercado.

Outro problema de plantel que temos(desde a época passada)é a posição dez, continua-se a mandar pedras e paus ao Martins quando o rapaz faz o melhor que sabe numa posição que não é sua e claramente não mostra que alguma vez venha a ser uma opção valida na mesma.

Contratou-se um dez sim, mas um jovem jogador que parece que ainda necessita de fazer a sua formação antes de ser sequer opção na equipa principal(e isto é a própria direcção e equipa técnica que o dizem...).

Portanto resumindo tenho de dar razão ao Revisor num ponto(mas só neste), melhoramos com a entrada do Nani em relação á época passada mas pioramos bastante no centro da defesa.




Mais tarde abordarei outras situações como a formação etc.

Diogre disse...

Jalex, futeboldatreta, tiscp

Serei o único a comentar a cabala que o LR denuncia?

Mais ninguém leu? ou mais ninguém interpretou uma acusação grave no último parágrafo do post?

SL

Unknown disse...

Quando tiver tempo tentarei comentar o post. LR acerta em alguns temas, mas noutros, como já emiti anteriormente, não partilho da mesma opinião.

Aproveito só para referir que Matheus foi inscrito na Liga. Será que ainda não é certa a sua saída? Espero que a direção não deixe um talento destes sair. Que o ponha a treinar com a equipa A. Que seja Marco Silva a avaliar in loco o potencial do jogador e o "salário" que tal diamante poderá merecer. Além disso seria uma oportunidade de reconhecer a qualidade do jogador e convencê-lo a ficar em Alvalade.

SL
João

Jalex disse...

Diogre

Talvez amanhã volte a comentar este post, ate porque já me excedi em linhas na minha resposta anterior(gosto de ser mais conciso mas não consegui).

Sobre as insinuações do Revisor também as comentarei mais tarde, mas gostava que nos elucidasse a todos em relação a um ponto que escreve.


Qual o ordenado do Wilson no Sportinng, e quanto veio auferir Sacko.

Juro que não sei nada, mas gostava que ele concretizasse aquilo que insinua (e é bom relembrar que o Wilson não quis ficar no Sporting, a decisão de sair sair partiu do próprio).


ps : O Matheus julgo que vai para o Monaco em Janeiro, pelo menos esteve lá a negociar contrato nos últimos dias.

Rodrigo disse...

ehehehe este LR.
Com que então o terrível BdC veio para acabar com o Sporting!
Deliberadamente ganhou as eleições enganando toda a gente, só para destruir o Sporting!

leao revisor disse...

Melas

Depois do que escreveu a minha dúvida está em saber se tem palas ou trabalha para a youngnetwork

Diogre

Onde digo que o argentino foi uma merda? Sempre disse e não durará muito a ser titular no SCP ao ritmo que jefferson mete água a defender! Digo que houve muitas contratações que foram uma merda mas sempre disse que para LE éramos obrigados a comprar fora porque não tínhamos cá dentro! Procure que encontra.

Quando a "cabala", "insinuação" como queira chamar, repito, esta direção está a destruir a formação! Repito está a destruir completamente a formação, e ainda existe gente que bate palmas, tem capacidade 0 de recrutamento e ainda é capaz de deixar sair os melhores, portanto daqui a poucos anos vai acontecer o que acontece para defesa esquerdo este ano, vamos ser obrigados a comprar sempre fora porque os nossos são uma MERDA!

E eu pergunto-te do actual plantel dos juniores quem tem capacidade para jogar na equipa B, não falo da A, falo da B!

Portanto daqui a pouco tempo não se vai andar a discutir se o "Esgaio" e melhor que o "geraldes", levamos com o "geraldes" e encolhemos os ombros porque não existe melhor cá dentro para o substituir.

Tiscp

Quando te armas em campeão com os empresários/fundos etc etc etc, e queres colocar os excedentarios, tens mais dificuldade.

Jalex

Você diz que só concorda comigo num ponto, mas é muito mais incisivo nas críticas que eu... E olhe que o que escreveu não contraria nada o que escrevi.

Vou esperar que escreva sobre a formação para depois comentar.

Futeboldatreta

Ou seja você queria que após ter alertado para isto tudo durante estes meses de defeso, depois de isto saltar a vista de todos, quando faço um balanço do defeso digo o contrário do que disse até aqui...

Realmente existe com cada um.

Jalex

O sacko segundo os jornais custou 1.4M e vem receber 400 mil ano, wilson não ganhava nem metade.

Rodrigo

Não quer acabar com o SCP, aliás estou convencido que tenta fazer o melhor que sabe, o problema e que o que sabe e manifestamente pouco na área da formação, depois tem uma pessoa que ainda é pior que ele a liderar todo o processo.

Para todos

Ninguém respondeu, mas eu volto a tentar... Quem é que acha que o SCP realmente fez contratações cirúrgicas e apostou na formação?

Diogre disse...

LR

Como eu já esperava, não respondeu a nenhuma das minha perguntas. Tenta fazer de todos parvos respondendo a questões laterais.

Mostra bem a validade da sua acusação.

Se não percebe do que falo, aconselho-o a reler o que o próprio LR escreveu no último parágrafo do seu texto.

E depois releia as minhas perguntas.

Terá coragem para responder?

SL

Diogre disse...

jogadores elegíveis (com potencial de qualidade) para a B, no plantel júnior:

Stojkovic, Pedro Silva; Guilherme Ramos, Hugo Meira, João Serrano, Pedro Empis; Rafael Barbosa, Fábio Martins, Marco Barros; Ronaldo Tavares, Lisandro Semedo, José Postiga,

é assim que se responde directamente às perguntas, está a ver? não é difícil...

leao revisor disse...

Diogre

Quero que diga com outras palavras? A formação não ter jogadores para lançar e um descanso para quem quer comprar 11 jogadores por ano!

Provas? Mas você deve estar a brincar! Como é que alguém pode ter provas que existe intenção de lesar o clube quando se prefere gastar dinheiro em 3 centrais quando se tem Tobias? Como posso provar que se tentou lesar o clube ao contratar o geraldes em vez de aproveitar o Esgaio... E podia continuar com todos!

Disse no passado e digo agora, nunca existe a certeza que uma contratação e acertada! Existem e umas que podem ter mais probabilidades de sucesso que outras.

Quanto ao mandar embora deliberadamente os melhores... Isso são palavras suas! Eu digo que por INCOMPETÊNCIA de quem manda na formação, e por política do clube, o SCP perde os melhores!

Se continuar a ter dúvidas volte a perguntar... Mas tenha a decência de também responder!

E vir falar de cabalas e de acusações sem provas de alguém que é sobrinho de uma pessoa que tantas e tantas e tantas vezes foi aqui acusada sem provas e não teve tal motivo de indignação da tua parte e realmente curioso...

leao revisor disse...

Diogre

Diga-me só uma coisa, você vê jogos da formação?

Vou preferir acreditar que não só vê! Porque dos nomes que referiu apenas se salvam o Pedro Silva e o João Serrano!

Aliás você inclui nomes que coloco sérias dúvidas se não vai ser dispensados no final do ano...

leao revisor disse...

Diogre

Ainda lhe digo mais, qual e o jogador ou quais são os jogadores que são melhores do que moretto, sambu, Alexandre silva ou Mateus?

Desses que referiu como sendo os "melhores"...

Sérgio disse...

Gelson Martins!

leao revisor disse...

Sérgio

Gelson Martins e senior...

Ao menos saibam do que falam...

Mas concordo e mais um que devíamos potenciar e não comprar franceses para lhe dificultar a chegada a primeira equipa

futeboldatreta disse...

what????
O Pero Empis, o Rafa, o Lisas e o Postiga não poderão ser bons jogadores???????

E a nossa equipa de juvenis é mais do que capaz.

Ah e não tenho pena nenhuma do Camara e do Sambu, nenhuma. Se quiseram dinehiro e ir para o porto muito bem, azar o deles. Mostraram aquilo que valiam, quando chegassema seniores seriam outros brumas ou Iloris. Sempre nos queixamos que formávamos bons jogadores mas nao homens, agora que estamos a mandar embora gajos que não valem nada e só olham a dinheiro, mesmo que sejam talentosos, já é um problema...

O problema do Sporting é que não tem dinheiro e tem de ser gerido com cuidado. No tempo dos teus queridos é que se contratava a peso de ouro, salários milionários, agora quer as contratações quer as renovações são ao preço que o clube pode e quer.

Se não gosta pode sempre mudar de clube. O candiatar-se a presidente. Ou recolher assinaturas já que está habituado a colar cartazes pelos treinadores do setubal e estoril.

Paulo Guerra disse...


A aposta na formação é real e pelos números, em vez de cirúrgicas a rodos e nível das contratações porque os investidores, tal como aliás a maior parte das promessas, nunca passaram disso mesmo, fantasias eleitorais. Que agora há que defender com unhas e dentes e a qualquer custo até à derrocada final ou também vão impedir os jogadores de falarem uns com os outros? E já agora na formação dos outros, diga-se também em abono da verdade, porque os nossos miúdos ou pelo menos os melhores afinal vieram a revelar-se quase todos uma grande carga de trabalhos para esta direcção. Se nos lembrarmos dos que já tinham jogado com Jesualdo Ferreira, a começar em Ilori e Bruma e a acabar agora em Dier e Matheus grande parte da geração fantástica, tão falada nas últimas eleições, já era. Ainda querem mais provas da grande aposta na formação?

Afinal qualquer um que chegue de fora é muito melhor e não esquecer que daqui para a frente também passou a estar previsto o regresso de muitos mais Nanis. Como se este empréstimo em particular não tivesse dependido em exclusivo do andamento da carreira e da vontade do jogador. Ainda há 3 épocas e ainda sem o Rojo se tinha tentado o mesmo e com muitos menos custos associados do lado do SCP

Sem resultados voltamos todos a exigir internacionais de grande qualidade e já agora uns equipamentos mais decentes e ao mesmo tempo mais representativos do SCP para lutarmos de igual para igual com os principais adversários, até porque diversas conjunturas da época passada não se vão repetir muitas vezes de certeza. A prová-lo já está aí a Champions à porta e ainda bem.

Ainda a propósito da Champions e porque esta direcção não consegue viver sem as comparações que acha convenientes com o passado também sei de fonte segura, bastou ouvir mais uma vez o inconsciente do Dr. Cutty Sark, o pânico que já envolve os jogos com o Chelsea, desta vez ainda na fase de grupos, no sentido de também se evitarem comparações com os jogos com outro gigante, o Bayern. O que eu recomendava a todos, no passado como hoje e independentemente até da formação em que se aposta a verdade é que voltamos a ter uma equipa muito jovem e com a maior parte dos jogadores sem qualquer experiência de Champions, volta pois a ser importante relativizar muito mais estes dois jogos em particular, onde como é óbvio corremos sempre muitos riscos. E sem sequer pôr em causa o apuramento e este sim é que devia ser encarado como o mais importante.

tiscp disse...

Diogre sinceramente não acredito em cabala, mas se alguem acha que existe, como sempre defendo que deva ser deninciada.

Como disse não acredito em cabala, acredito sim é que o metodo e a teimosia que se está a utilizar nos trás grandes problemas e dissabores.
Os famosos patamares de vencimento e cláusulas de rescisão modelo secalhar é que são um entrave à continuidade dos melhores jogadores e ai sim o clube está a ser lesado, é claro que absurdos como se fizeram no passado, não se podem voltar a cometer, agora é assim, no futebol a qualidade paga-se, aqui, em espanha, em inglaterra, em todo o lado e nós como clube grande e um dos melhores da formação no mundo se queremos ter os melhores conosco temos que pagar e nalguns casos, mais que a outros.
Não conseguimos, nem poderemos pensar que iremos conseguir mudar o mundo e embora concorde com grande parte da sua actuação perante empresários, fundos, etc., em certos casos tem que haver flexibilização.

Porque factos são estes, nos ultimos dois anos perdemos os melhores sub 20 (bruma, ilori e dier), sub 19(matheus), sub 17 (alexandre silva) e sub 16 (moreto e idrisa) das suas gerações, infelizmente isto são constatações inegáveis para ninguem.

Não LR obviamente que não se tratam de contratações cirurgicas.

Unknown disse...

As grandes contratações do presente ano foram, além das enumeradas pelo LR, a manutenção de Patrício, Cedric, Jefferson, Adrien, Mané ou Montero por exemplo. Aposta na estabilidade. Não é de louvar isso também?

Quanto às contratações, o termo cirúrgico não deveria ter o significado que muita gente lhe atribui. Mas tendo por base esse significado considero que não foram cirúrgicas. Foram contratações para um plante único que inclui equipa A e equipa B. Claramente melhor que a politica do cheque e da vassoura.

Quanto à aposta na formação parece-me que existe. Os jogadores continuam lá (com exceção do Dier), viram os seus contratos renovados e nada me diz que a entrada de jogadores para competir com eles fará limitar a sua evolução.

Durante esta troca de argumentos LR faz a seguinte questão "E eu pergunto-te do actual plantel dos juniores quem tem capacidade para jogar na equipa B, não falo da A, falo da B!". Apesar de não ter ponto de interrogação, calculo que tenha sido uma questão. Mesmo não sendo dirigida a mim, confesso que não entendi o seu propósito. Agora o Bruno de Carvalho tem culpa dos jogadores dos juniores que têm lugar na equipa A ou na equipa B? Se Godinho Lopes se tivesse mantido os jogadores não seriam os mesmos?

Acham mesmo que o Alexandre Silva vai dar em alguma coisa? Lisandro é bem superior. Matheus Pereira foi inscrito. Espero que permaneça. Tem muito talento.

Poderão criticar Bruno de Carvalho pelo trabalho que está a ser feito ou não nos iniciados, escolas, benjamins. Pelos treinadores e scouters que escolheu.

Agora o argumento de não termos jogadores de nível nos juniores (sendo que o unico que saiu com idade atual de junior foi o mediano Xande), peço desculpa mas isso nada tem a ver com Bruno de Carvalho.

SL
João

Paulo Guerra disse...

Mais do que a intencionalidade ou não e ninguém sequer o afirmou, interessam as saídas à vista de todos. Mas para alguns o último a sair ainda vai estar a servir de exemplo. Para quê não se percebe muito bem.

Hoje como sempre nenhum clube pode ambicionar andar na Champions com 11 putos, com a salvaguarda que cada caso é um caso. William é aparentemente um muito jovem jogador com um futebol mais maduro que muitos veteranos, por exemplo. E também já havia alternativas para trinco muito superiores a Rossel na formação.

Se nunca chegaram os prometidos investidores ninguém devia ter dúvidas que na maior parte dos casos valia muito mais apostar num jovem formado em Alcochete que noutro lado qualquer, precisamente o que está a acontecer em muitos sectores do campo, veja-se a defesa. Quem é que não preferia ver hoje Ilori e Dier? E pelos vistos até o Jardim ainda tentou o Bruma antes do Matheus e em vez do outrora prodígio francês, Sacko.

Já era bom poder ver o Miguel Lopes, mais um coxo ainda há pouco tempo, assegurar uma das laterais da defesa na Champions. Grande reforço, até para a evolução dos mais novos como Cédric e Esgaio. João Mário também é um grande reforço para o meio campo e o inevitável Nani na frente, tanto para o jogo interior como para as alas. A obrigação de qualquer adepto é acreditar sempre na equipa e depois logo se vê.

Sérgio disse...

LR,

Sim o Gelson Martins está no seu 1ª ano de sénior e sei do que falo nunca me colocando em bicos de pés nem me fazendo de chico esperto.

"Gelson Martins e senior...

Ao menos saibam do que falam..."

Quando falas no Matheus ... ele é o que infantil !??? é Sénior não é!

Agora se tu próprio não lês o que escreves eu dou-te uma ajuda:

"... qual e o jogador ou quais são os jogadores que são melhores do que moretto, sambu, Alexandre silva ou Mateus? ..."

SL,

Unknown disse...

Sérgio, antes que o LR se antecipe, o Matheus ainda é junior.

É de uma geração que considero ter bons valores como Stojkovic, João Serrano, Hugo Meira, Bernardo Carlos, Rafael Barbosa, Fábio Martins, Lisandro Semedo e José Postiga.

SL
João

Sérgio disse...

Unknown,

Con fusão minha então porque Mathues o ano passado chegou a participar em alguns jogos da equipa B!

SL,

Unknown disse...

O texto do Nuno Ranito no Visao de Mercado sobre este tema, transmite, quase na totalidade, a minha opiniao. Recomenda-se pela isencao e pela capacidade de enquadrar o tema.
SL
Joao

Angelo Jose disse...

Caro Leao Revisor, concordo em varios pontos com o seu raciocinio, mas tambem não é segredo nenhum que cada acto ou decisão desta direcção tem uma opinião "inflamada" da sua parte... acho que não devemos ser precipitados a tirar já conclusões.
Recordo se bem me lembro que no segundo ano do Eng Godinho Lopes o plantel de então foi aqui neste blog apelidado de "o melhor plantel dos ultimos 40 anos" e deu na trampa que deu, apesar de todas as vedetas k tinha... Daí eu dizer que ainda me parece cedo para conclusões definitivas! Se o plantel podia ser melhor? podia! Se concordo com todas as contratações? todas não! Mas as vezes os nomes não garantem nada. Quanto á formação o Sporting é dos principais clubes portugueses que mais jogadores da sua formação tem no seu plantel principal e isso é um facto indesmentível!...
Na teoria pode-se dizer muita coisa, mas se na pratica este plantel conseguir, o que outros planteis anteriores mais elogiados por vós não conseguiram, então o que dizer nessa altura? Não podemos afirmar que iremos ter o sucesso que queremos, mas também não podemos dizer á boca cheia que não vamos conseguir nada só porque não gostamos deste presidente...
Não sejamos precipitados.

Nuno Bispo disse...

Estamos lixados. Se com "o melhor plantel dos últimos 20/30/40 anos" não conseguimos mais que o 7º lugar ( e recheado, como bem nos lembramos, de jogadores da formação. Not ), o que acontecerá agora com contratações que são mais valia nenhuma e com este ataque declarado à Academia? Vamos implodir, certamente. No ano passado os planetas alinharam-se e os responsáveis tiveram uma sorte bestial porque claramente não sabem o que andam a fazer. O salto competitivo com uma drástica redução de custos e os resultados financeiros equilibrados são coisas absolutamente irrelevantes, que os tipos não passam de uns incompetentes.

trinca_espinhas disse...

Ou muito me engano, ou o Vitor está de regresso...

Paulo Guerra,
Mas que "derrocada final"?!?! Isso é algum desejo secreto seu?

Apostar na formação não significa necessariamente colocar todos os anos 4 ou 5 novos jogadores no plantel principal. Tb significa manter os que já se encontram na equipa A.

Quanto à saída dos possiveis futuros craques exaustamente aqui abordados, dêem tempo ao tempo... O mundo está cheio de paims, rabius, marcios sousas e irmãos do quaresma...

Pedro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Paulo Guerra disse...

Vai correr tudo bem trinca-espinhas e nunca mais vamos precisar de outro presidente. Nem se percebe bem porque é que nunca foi assim na vida do bruninho ou um típico chico-esperto que gosta de rasgar contratos mas ainda vai construir o pavilhão. Mais uma área onde transborda know-how. E também não se percebe muito bem porque é que as autoridades nunca lhe atribuíram o Carlos Lopes porque já estávamos desenrascados não era?

Ou talvez porque tenha mesmo nascido para ser presidente do SCP. Há líderes assim que só nascem depois dos 40. Vale muito mais enterrar a cabeça na areia como o Barroso e andar para aí a dizer que se confia plenamente no presidente do SCP. Nele no insuspeito mafioso do Alto-Pina e ainda no grande disciplinador que é o professor Quintela. Não fosse o filhote em casa a fumar ganzas mas sempre com as magníficas camisolas que os jogadores fazem questão de “oferecer ao papá”. Uma autêntica celebridade aqui na Portela. Ao menos não joga nos lampiões como o irmão.

Só por ironia, a raça cigana chama-lhes trapalhões. Expressão que no dialecto cigano mete no mesmo saco vários adjectivos com que também vários adeptos cheios de razão já mimaram este presidente e esta direcção, tais como aldrabões e por aí em diante. Mas no SCP vai correr tudo bem de certeza.

trinca_espinhas disse...

Paulo,

Não percebi um caralho do que escreveste... Não me interessa o q cada um faz ou fez, não tenho por hábito ler revistas cor-de-rosa.

O que te digo é que, até agora, são poucas as decisões tomadas pela direcção que me decepcionaram. Se não sentes o mesmo, temos pena... Acho q há sp a possibilidade de ires recolher umas assinaturas e convocar eleições....

Nós, sócios e adeptos comuns, estamos fartos dessas guerrinhas dos meninos de LX...

tiscp disse...

Pedro, não querendo entrar em polemicas, mas discutindo o assunto, porque o mesmo merece, já que estamos perante uma pedra basilar do nosso clube, devemos reflectir sobre o seguinte:

- É obvio e claro para todos as responsabilidades de antigas direcções, o que deveria ter sido resolvido foi transformado em problemas ainda maior para o futuro (caso dier);

- Pegando no exemplo do bruma, se nós tivessemos pago esses 500k, teria renovado connosco e será que perante o diamante que ali estava, não justificaria o esforço?
Secalhar, digo eu, mais vale investir 500k por um jogador desses, que apesar dos poucos jogos na equipa principal, se tratava claramente de um valor seguro, do que andarmos a gastar 700k num Cissé, 600k num Geraldes ou 1M num Heldon, que se trataram obviamente de apostas de risco, que quanto a mim não fazem sentido para um clube como o Sporting e que infelizmente se transformaram em mais 3 problemas por resolver.
Acho que seria seguro que com um investimento de 500k poderia-se ter duplicado ou ate mais os 10M recebidos, não falando igualmente do rendimento desportivo que um jogador como o bruma teria oferecido à equipa no ano passado;

- Levantas outra questão, que é o faco dos outros tambem terem investido na prospecção, é verdade, mas o que deveria se estar a passar é nós tinhamos todas as condiçoes para estarmos varios passos à frente dos outros, derivado de todo o know-how na area e sobretudo todo o prestigio internacional adquirido ao longo dos anos;

- O que importa reflectir, é que pelas mais variadas razões todos eses jogadores acabaram por sair, e tratam-se do melhor, alguns claramente os melhores, que existia na Academia.
Sendo o Sporting um dos unicos clubes que aposta verdadeiramente na formação, com prestigio internacional como 1 das 3 melhores escolas do mundo, com o historial que temos de jogadores formados e que atingiram o topo, será normal estas saidas todas?
Quanto a mim algo vai mal. Dos lampioes e tripeiros que não apostam na formação, quantos jogadores (dos melhores) sairam?
Vamos andar sempre com a desculpa do dinheiro?
Mas quando é que deixamos o papel de coitadinho?
É esta a imagem que se quer passar, que os nossos jogadores não querem cá ficar por sermos pobres e os outros rico?

Não estou a dizer que a culpa é unicamente da direcção, agora é obvio que temos aqui um problema, quanto a mim grave, que obriga a que se analise e tome medidas, ou reveja-se os metodos utilizados, para resolver a situação.

SL

Pedro disse...

Boa tarde tiscp

Não se trata de entrar em polémica. O que penso é que se o Sporting for conivente com esses 500 mil para o Bruma + 500 para o bebiano mais 500 para o cátio e + 10% do passe para o cátio, ficamos reféns de todos os outros jogadores que nos queiram fazer o mesmo. Durante anos foi muito fácil chegar à equipa principal do Sporting e, se por um lado é motivo de orgulho também nos levanta problemas a nível de exigência nos contratos. Uma boa questão é porque nos rivais isso não acontece. Ora bem, eu acho que acontece, não é, é tão falado. O cap de juniores do carnide saiu para viseu e não se falou. O cap dos B do olival saiu para a roménia e ninguém falou. Podia-se ter feito mais para segurar alguns jogadores? Podia-se, mas a que custos para o nosso clube?, ficar constantemente reféns das exigências dos agentes, pais e afins?. O problema vem muito de trás, mesmo antes de godinho que tb já apanha o problema. Sim, concordo que a nível de prospecção e recrutamento pudéssemos estar melhor, mas, mesmo isso tem muitos custos associados a nível de comissões etc, mas mantemos ainda os elementos chave na estrutura da formação, como o José Lima, Telmo Costa e Aurélio Pereira, pelo que devemos acreditar que após esta adaptação aos novos métodos, possamos voltar ao nosso lugar. Ronaldo e Quaresma fizeram parte de uma geração que nada ganhou. Esta direcção tem 18 meses e acredito que ainda vá bem a tempo. Estas 11 contratações, iram dar esse mesmo tempo para a futura geração de juvenis acompanhar os Juniores deste ano e aqueles que estão no 1º ano de sénior, pelo acredito piamente, que o nosso futuro se encontra assegurado.

Podemos não concordar e termos pontos de vista diferentes e tal como o tiscp, gostava que mais Sportinguista conseguissem discutir sem destilar ódio como se vê por aqui em alguns coments

Abraço

João disse...

Concordo com o que o Pedro acabou de dizer...

O que muita gente critica (como o tiscp) é que não é normal todos estes talentos saierem como sairam. O problema esta neste raciocínio.

Nao é normal?!? Quantos dos talentos da nossa super formação aproveitamos convenientemente?!?
Desde que me lembro de ser Sportinguista que vejo grandes valores despontar na formaçao para depois forçarrm a saída, quererem ganhar mais, assinarem por rivais, etc, etc. Será culpa desta ou da anterior direcçao?

Também tenho muito orgulho na formação mas se calhar esta na altura de mostrar que a equipa A do Sporting é mais que uma simples rampa para outros voos e que quem compra guerras tem mais a perder do que o próprio clube.

SL,
Xait

Mike Portugal disse...

João,

A formação está a ser demasiado elevada a um pedestal. Já de lá saíram bons jogadores: Figo, Simão, Hugo Viana, Quaresma, Ronaldo, Moutinho, Nani, Rui Patrício, Cedric, etc...e muitos deles até foram bem vendidos na altura em que foram.

Mas se reparares isto foi ao longo de muitos anos. Nem todos os anos saem bons jogadores e nem todos os anos temos fornadas com vários bons jogadores na mesma equipa.

E a formação é mesmo isto. Sai um bom jogador de vez em quando e um excelente jogador ainda mais raramente. Isto porque nos juniores é facil ser bom, pois a componente tatica não é tão intensa. Quando há o salto para senior é que as coisas começam a ficar dificeis pois requer muita disciplina e trabalho e nem todos os jogadores amadurecem o suficiente para aproveitar os seus dotes tecnicos.

Não é expectável que aparecem e entrem jogadores na equipa A todos os anos (embora fosse bom), seja com que direção for.

trinca_espinhas disse...

Mike,

E também não nos podemos esquecer que nas camadas jovens, grande parte da época é jogada a feijões...

tiscp disse...

Pedro é obvio que não podemos ir atrás de todos os caprichos de empresários, pais ou jogadores, mas existem casos e caso, o que digo é que para mim o desfecho por exemplo no caso bruma foi desfavoravel para o Sporting e como o presidente já o admitiu poderia ter sido evitado se ele tivesse dito que sim a certas pretensões. O que a mim me faz confusão é perdermos jogadores deste calibre para depois investirmos mais a comprar passes de jogadores com qualidade muito mais duvidosa.

Pedro, eu tenho receio é que aconteça algo identico, mas com contornos diferentes, que é um jogador querer sair, fazer uma birrinha como tem acontecido e nos continuaremos a deixar sair, porque infelizmente a cabeça dos miudos sao bem influenciaveis e os empresarios querem é isso, para poder fazer a suas negociatas à vontade.

Dos exemplos que referiste, por exemplo ilori ficava os 2 anos parados, é certo que perdiamos 7M, mas servia de exemplo, com o matheus este ano acontecia o mesmo, para o ano que fosse para os lampioes, depois de um ano parado não era o mesmo de certeza (veja-se o caso do vitor andrade, que ja nem consegue calçar).

João obviamente que isto vem de hà muito tempo, futres, figos, todos estes tiveram casos destes, agora é assim não podes ter um projecto de formação que em 2 anos perdes 6 ou 7 jogadores dos mais promissores que tens, sem materia prima não podem existir resultados.

Desde à muito tempo que considero o mesmo, que a equipa A não pode apenas ser vista como uma rampa de lançamento para outros voos, mas para isso as coisas tem que ser resolvidas atempadamente e os jogadores caso demonstrem qualidade e que são verdadeiras mais valias no patamar senior, serem recompesados.

Infelizmente hoje em dia qualquer miudo com 13 anos se julga o Cristiano Ronaldo, tem agente sedento pelas famosas comissoes, os paizinhos a pensarem que o miudo lhes vai mudar as vidas e garantir a sutentablidade financeira de toda a familia, e isto são grandes obstaculos para um clube que vive da formação.
E nós temos que nos adaptar a esta realidade, nao digo que seja a pagar os mundos e fundos que são exigidos, mas tem que se pensar e analisar o assunto.

Paulo Guerra disse...

Dependendo do nível da equipa principal qualquer um tende a concordar que dificilmente até a melhor das formações conseguirá promover jogadores todas as épocas. É aliás a principal razão porque os nossos rivais têm tido um muito menor aproveitamento das suas formações. Ainda assim têm desperdiçado alguns jovens a quem se augurava um futuro muito melhor. E aqui a questão "então porque é que nunca o provaram noutro lado" também não colhe sempre e qualquer entendido explica a importância da envolvência de um jovem jogador de futebol sensivelmente até aos 22 anos. Sem essa aposta é tudo muito mais complicado.

Aliás o SCP de Dias da Cunha também é campeão muito mais próximo de GL do que de Paulo Bento e desta vez foi um desastre. Entretanto continuam as vendas dos internacionais mas mantêm a cábula do prejuízo dos 100 Milhões.

E o maior aproveitamento em Alvalade nunca quis dizer uma política assim tão diferente na formação mas antes que com menos dinheiro tende a haver um maior aproveitamento. Agora o que nunca é expectável é andar-se a contratar fora pior que o que já existe em casa e já há vários exemplos e é só isto que está em causa este mandato. E também esqueçam o desinvestimento como resposta para tudo. Dier acabou de explicar muito bem o absurdo das novas cláusulas e ainda por cima quem as implantou tem o desplante de dizer o que todos sabem, não servem para nada. Ou melhor têm servido para vermos sair alguns dos melhores que depois são logo apelidados de mercenários pela máquina. Alguns sem que cheguem a exigir mais um cêntimo no mínimo terminariam sempre a formação em Alvalade com todo o gosto porque sabem muito bem os riscos que correm com saídas tão precoces. Mas é mais fácil continuar-se a falar dos jogadores como sempre.

Pedro disse...

Boa tarde,

Tiscp, em relação ao Bruma, acredito que o caso pudesse ter sido resolvido, se não existissem alguns "acontecimentos" pelo caminho. Bebiano e Baldé fizeram a aproximação do Galatasaray ao jogador. Talvez se a renovação tivesse acontecido antes do Jesualdo apostar nele, ela tivesse acontecido, mas, também já li uma teoria que essa promoção foi propositada de forma a que os corruptos do norte, pudessem resgatar o jogador (como chegou a ser falado).

Sobre o Ilori e Matheus, é um ponto de vista, o qual se tivesse sido seguido pela direcção não me escandalizava. Foi uma decisão, vamos ver o que futuro diz. Para já Ilori anda de empréstimo em empréstimo :S. Sobre o Matheus, penso que o caso seja mais complexo. Acredito que o acordo com o Mónaco tenha a ver com o impedir ou tentar impedir que o jogador vá para um dos rivais.

Para mim, o grande problema da formação está nos últimos 2 parágrafos do tiscp e do João.

Também concordo que a questão das clausulas merece uma reflexão da parte da Direcção tal como talvez pensar em voltar a gastar-se um pouco mais na prospecção e recrutamento afim de obter dividendos futuros, do que esperar que os agentes nos tragam os jogadores e podermos ficar reféns da qualidade que nos é oferecida.

Agora fala-se muito no Matheus, mas lembram-se de um Edgar Marcelino, da geração e equipa de Ronaldo e Quaresma?... Para os mais novos que não se lembram, o Edgar era considerado unanimemente por todos, aquele com mais potencial.

Paulo Guerra,sobre as contratações efectuadas, considero que isso tenha a ver com as % dos passes. Do Cedric temos 35%, do Tobias 50% do André Martins 50%, do Adrien temos 50% ao contrário de André Geraldes que temos 100%, Slavchev 100%, Sarr 100%. Acredito mesmo que esta opção passa mais por uma estratégia de mais valias do que por falta de qualidade dos nossos.


SL

Pedro disse...

Boa tarde novamente.

Vim agora do site da Uefa onde já se encontram as listas A e B. Com um pouco de paciência, aqui vão uns dados curiosos dos 3 grandes, gostava de ter acrescentado o Barça e Ajax mas a falta de conhecimento de alguns jogadores, não me permite.Assim sendo:

Sporting: 54 jogadores

36 Portugueses e 18 não PT
*PT na equipa principal 6 a 7
34 Formação
Média de idades 20,44

FcP: 49 jogadores

27 Portugueses e 22 não PT
* PT na equipa principal 1 ou 2
25 Formação c/ 2 do Sporting
Média de idades 21,44

Slb: 36 jogadores

18 Portugueses e 18 não PT
*PT na equipa principal 2 a 4
12 Formação

Média de idades 23,50

Posto isto, sendo dados oficiais na Uefa enviados pelos clubes, pergunto, quem de facto aposta nos Portugueses e na formação?

SL

Paulo Guerra disse...

Não obstante 50% dos direitos económicos de um jogador até poderem valer mais que 100% de dois ou três, várias saídas também já demonstraram que tal nunca correspondeu à verdade Pedro. Mas já se fez muita demagogia à volta dos passes, talvez seja melhor esperarmos todos pelo aumento de capital. Entretanto também podemos todos pensar é como é que foi possível a oferta de um autocarro que vale mais que muitas participações.

Paulo Guerra disse...

Sobretudo também não consigo compreender como é que se podem equacionar as mais valias ou os proveitos financeiros antes do rendimento desportivo.

Pedro disse...

Paulo Guerra. Não deixo de concordar que é preferível pouco de alguma coisa, do que 100% de nada. 90% das contratações desta época acredito que seja com o intuito de gerar essas mais valias. Tal como quando se renova com um miúdo de 18 anos a acreditar no seu potencial, adquiri-se jovens tb com essa expectativa, penso eu. No caso do Tanaka, acho que o interesse é comercial, como foi com o Shikabala onde o verdadeiro interesse era contratar o Ramy. Os franceses penso que é óbvio quando se contrata dois campeões do mundo sub 20, de uma das melhores escolas de formação, onde os valores dos passes dos seus jogadores são inflacionados - vide caso Mangala -.

Acredito sem reservas que nos próximos 3 anos contando esta época,e a confirmar-se claro está o seu potencial, estes jogadores farão parte do plantel principal:
...
Vladimir Stojkovic
Luís Ribeiro
Tobias Figueiredo
Domingos Duarte
Manafá
Wallyson
Carlos Chaby
Rafael Barbosa
Cristian Ponde
Iuri Medeiros
Daniel Podence
Gelson Martins
José Postiga
...
Podemos apontar algumas coisas na formação, mas não podemos negar, que nesta lista estão os melhores dos melhores das ultimas 2 gerações de juniores

Isto é o que penso, que vale o que vale, e não sei se estou correcto ou não, mas espero que sim:)

SL

Francisco disse...

Faço minhas as palavras do Pedro. Fez uma análise lúcida como não via à bastante tempo relativamente à nossa formação.

Este ano apenas considero como falha, com grande margem de certeza, a contratação de Geraldes.

Slavchev, P Oliveira e Gauld foram opções que me deixam apreensivo, mas ainda não permitem uma conclusão correcta.

Tanaka e Rosell parecem-me jogadores que não irão atingir um grande patamar, mas serão muito úteis durante esta época.

Sarr, Rabia, jonathan e Sacko são jogadores com muito potencial, inclusivamente Sarr já está a comprovar ter grande categoria. Se actualmente me permitissem trocar Sarr pelo Dier confesso que ficaria muito indeciso (e acho o dier um grande central).

De um modo geral concordo com a politica de contratações da direcção. Com excepção do Gauld todas as contratações têm um risco reduzido e não concordo que tapem o lugar a ninguém da formação. Se por exemplo o chaby se revelar capacitado para jogar ao mais alto nível não me parece que alguma das contratações evitará a sua entrada no plantel principal.

Dos jogadores que saíram, o único que me abalou seriamente foi o Moreto, mas penso que não havia nada a fazer. A direcção tentou, mas dadas as nossas dificuldades financeiras não era possível competir com os corruptos. Para além disso o jogador mostrou um carácter duvidoso e se lhe déssemos o salário + prémio que pretendia nada nos garantiria que não viéssemos a ter problemas com ele mais tarde (aliás como os corruptos já parecem estar a ter), para além de abrirmos um precedente perigoso que poderia contagiar outros jogadores da formação.

SL

Pedro disse...

Bom dia,

Sobre o Paulo Oliveira, penso o seguinte: Foi um jogador que fez uma boa época passada no Vitória, e, tenho a certeza que se não o fossemos buscar, ele ia para carnide ou olival, e posteriormente estaríamos a reclamar porque é não o fomos buscar.

Slavchev: Temos um bom histórico com Búlgaros, pelo que nos resta, dar tempo ao tempo, não esquecendo que tem 20 anos e para a posição dele na B tinhamos o Kikas e o Luka, não acreditando que os mesmos lhe fossem superiores.

Gauld: Tem o aval de Aurélio Pereira, pelo que, temos de esperar para ver.

Sacko: Depende da posição, e, por vezes é mais fácil um jogador de fora adaptar-se melhor, do que por exemplo o Iuri, que, para quem acompanha a equipa B pode comprovar que em termos de atitude deixa bastante a desejar.

Rossel e Jonathan, nem nos B, Juniores e Juvenis, temos algo semelhante, quanto mais melhor.

Tanaka:

Lembram-se do Slimani a época passada? Pois, a malta queria era o Ghillas

Fala-se muito do Sarr, mas o pessoal esquece-se que defesas centrais com pé esquerdo é raridade a nível mundial, os bons, bem os bons além dos passes, há os vencimentos. E nós, nem temos dentro de casa centrais esquerdinos - bem, fomos buscar este ano 1 para os juniores -, nem temos dinheiro para comprar feito.

O Ramy: Saindo Rojo e bem - o pessoal tem a memória um pouco curta, de quando ele chegou ao Sporting e o que aconteceu no decorrer dessa época -, Saindo o Dier, aqui sim, um pouco de lamentar, mas é curioso que do ultimo jogo dele ninguém falou nem a comunicação social. Foram aquisições que acredito, irão dar a margem necessária para o Tobias e futuramente o Ruben, ganharem o seu espaço sem terem os holofotes focados neles

Para finalizar. O Bruno de Carvalho disse uma frase, aquando das noticias de revolta na academia que não esqueço, "... se os jogadores da academia sentem que são melhores que os que vieram, então que provem com trabalho que as oportunidades surgirão...". A realidade é que Esgaio, com trabalho passou de 4ª opção para 2ª, e , mais cedo do que se calhar esperamos, Tobias será o próximo a lá chegar.

A comunicação social, tem por tendência menosprezar o Sporting e a sua formação, valorizando o olival (1) e carnide (2), que juntos têm 3 jogadores nos seus planteis e nós que não apostamos e não valorizamos a formação temos 9! ainda para mais com 6 a titulares indiscutíveis e não de circunstância, ah, não esquecendo que 5 são potenciais titulares da Selecção Portuguesa A e 3 dos Sub 21. Alguém me explica porque é que batemos tanto em nós próprios?

SL

Pedro disse...

Esqueci-me de referir, que na equipa B, nota-se que o trabalho é integrado com a equipa A. Fabrice Fokobo, nitidamente está a ser trabalhado para a posição 6 e acreditem, que com o trabalho a ser efectuado nesta época, aquando na saída do William, não iremos de precisar de ir ao mercado.

SL

Unknown disse...

O Fokobo nunca na vida será médio defensivo. Não tem pés para isso. Eu apostaria nele a central.

O Pedro Ferreira, com idade de juvenil, já e titular nos juniores, não será o substituto de William no imediato, mas e o jogador nos nossos quadros que mais se aproxima de William.

Pedro disse...

Eu acho que o Fokobo tem vindo a evoluir em termos técnicos, pelos últimos jogos que tenho visto em comparação com a época passada, é o que me dá a entender.

SL